Header Ads

Botafogo se impõe contra o Galo e avança para as semifinais da Copa do Brasil

Glorioso bateu o Atlético-MG por 3 a 0 em duelo realizado no Nilton Santos

O Botafogo está nas semifinais da Copa do Brasil. Em duelo contra o Atlético-MG, o Glorioso levou a melhor e venceu com autoridade o Galo por 3 a 0 e se classificou nesta quarta-feira no Nilton Santos.

Jogadores do Botafogo-RJ comemoram vitória contra o Atlético-MG (Imagem: O Dia)
A equipe carioca reverteu a vantagem do Galo, que havia vencido o primeiro jogo por 1 a 0. Os gols do Glorioso foram marcados por Carli, Roger e Gilson.

Na próxima fase, o Botafogo enfrenta o vencedor de Flamengo e Santos. Pelo Brasileirão, o Glorioso volta aos gramados no sábado contra o São Paulo, no Nilton Santos.

O JOGO

O primeiro tempo entre Botafogo e Atlético-MG no Nilton Santos foi do jeito que a torcida do Glorioso queria. Precisando vencer, a equipe da casa foi para cima, dominou a partida e conseguiu marcar dois gols, revertendo a vantagem dos mineiros na Copa do Brasil.

A equipe carioca saiu na frente logo aos cinco minutos. Após cobrança de escanteio de João Paulo, Bruno Silva desviou e Carli apareceu para abrir o placar para o Botafogo, dentro de casa, incendiando os torcedores no Nilton Santos.

Na frente do placar, o Botafogo seguiu superior e teve outras chances de ampliar. O segundo gol só saiu aos 41 minutos do primeiro tempo. João Paulo foi no fundo e cruzou, Roger cabeceou, sem chances de defesa para o goleiro Victor.

O segundo tempo começou com o Botafogo superior. O Atlético-MG maracava mal e dava espaços. Na melhor oportunidade da etapa final. Roger deixou Pimpão na cara do gol, mas o atacante finalizou mal e facilitou a vida para Victor, que salvou o Galo.

As coisas começaram a mudar a partir da metada da segunda etapa, quando o Botafogo recuou. Aos 20 minutos, Cazales recebeu em condição legal, Jefferson saiu bem do gol e evitou que o jogador atleticano fizesse o gol que daria a classificação para os mineiros.

Só que o Botafogo é uma equipe mortal e em um dos contra-ataques matou a classificação. Bruno Silva puxou a jogada e tocou para Gilson marcar o terceiro e selar a vaga para o Glorioso na Copa do Brasil.

FICHA TÉCNICA 
BOTAFOGO 3 X 0 ATLÉTICO-MG

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ) 
Árbitro: Sandro Meira Ricci (SC-Fifa)
Cartões amarelos: Carli (BOT) e Adilson (CAM)
Cartão vermelho: - 
Renda/público: R$ 587.790,00/24.276 pagantes
Gols: Carli (5'/1ºT - 1-0), Roger (41'/1ºT - 2-0) e Gilson (44'/2ºT)

BOTAFOGO: Jefferson, Emerson, Carli, Igor Rabello e Victor Luís; Rodrigo Lindoso, Bruno Silva, Matheus Fernandes e João Paulo (Leandrinho, 41'/2ºT); Rodrigo Pimpão (Guilherme, 20'/2ºT) e Roger (Gilson, 34'/2ºT) - Técnico: Jair Ventura.

ATLÉTICO-MG: Victor, Marcos Rocha, Bremer, Gabriel e Fábio Santos; Adilson, Yago (Rafael Carioca, Intervalo) e Elias; Luan (Otero, 28'/2ºT), Robinho (Rafael Moura, Intervalo) e Cazares - Técnico: Rogério Micale.

De O Dia

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.