Header Ads

Empresário dá detalhes sobre denúncia que terminou com prisão de Berg Lima

Ao Correio Debate da Rede Correio Sat, ele revelou ter sido procurado pessoalmente pelo prefeito, que teria lhe cobrado propina para liberar o pagamento de empenhos atrasados

Prefeito Berg Lima (Foto: Da Net)
O empresário que denunciou a suposta cobrança de propina pelo prefeito de Bayeux, Berg Lima, para a liberação de pagamentos pendentes na prefeitura, deu detalhes da investigação que culminou com a prisão do gestor, na tarde dessa quarta-feira (5).

Ao Correio Debate, da Rede Correio Sat, o empresário revelou ter sido procurado pessoalmente pelo prefeito, que teria lhe cobrado propina para liberar o pagamento de empenhos atrasados. O empresário possui um restaurante e fornece gêneros alimentícios a servidores que trabalham na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município.

Ele revelou que resolveu fazer a denúncia logo após o pagamento do primeiro repasse ao gestor. Segundo ele, a prefeitura lhe deve mais de R$ 140 mil e toda vez que recebia algum empenho tinha que pagar uma parte a Berg Lima. Ao todo, ele já teria repassado R$ 11,5 mil ao prefeito.

“Recebi três pagamentos: um de R$ 15 mi, outro de R$ 21 mil e o último agora de R$ 16 mil, quando repassei R$ 3, 5 mil ao prefeito”, disse.

Após a prisão de Berg Lima, o dono do restaurante resolveu viajar e só deve retornar às atividades na próxima segunda-feira (10).

Questionado se teria recebido algum tipo de ameaça, o empresário negou qualquer tipo de investida neste sentido. 

Do Portal Correio

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.