Header Ads

Por decisão de Cuca, Felipe Melo é afastado e não enfrenta o Avaí

Técnico comunicou a decisão ao volante e ao elenco na tarde desta sexta-feira. Felipe não está relacionado para o jogo com o Avaí e fica com o futuro indefinido

Jogador está afastado do clube (Foto: LanceNet)
O técnico Cuca decidiu afastar o volante Felipe Melo do elenco do Palmeiras, conforme publicou o Globoesporte.com. Ele não enfrentará o Avaí, às 19h deste sábado, no Allianz Parque, e agora fica com seu futuro indefinido. Com cinco jogos na Série A, ainda pode se transferir para outro clube brasileiro em 2017. Cuca comunicou a decisão aos jogadores, inclusive Felipe Melo, na tarde desta sexta-feira. 

O Palmeiras e a assessoria de Felipe se manifestaram após o vazamento da notícia e esclareceram que não houve uma briga entre os dois. O desentendimento seria, apenas, esportivo. As duas partes só confirmam que Felipe está fora do jogo contra o Avaí. 

"Felipe Melo não está afastado e, sim, não relacionado. E as conversas entre ele e Cuca foram na esfera profissional e por questões táticas. Não houve nenhuma discussão entre os dois", escreveu Gustavo Souza, assessor do jogador, no Twitter.

A ideia do afastamento é "preservar o ambiente". A lógica é a mesma utilizada por Cuca com Robinho e Lucas no ano passado: o técnico sabia que os dois não fariam parte do "time ideal" e temia que pudessem tumultuar o vestiário. Com isso, trocou a dupla por Fabrício e Fabiano, do Cruzeiro.

O presidente Maurício Galiotte e o diretor de futebol Alexandre Mattos também conversaram com o grupo antes do treino desta sexta-feira.

Cuca e Felipe Melo nunca tiveram uma discussão em público, mas no clube já era sabido que as ideias de ambos "não batem". Com Cuca, o volante perdeu a condição de titular absoluto que tinha com Eduardo Baptista e passou a frequentar o banco de reservas, além de ser substituído com mais frequência.

Felipe Melo foi um dos principais reforços para a temporada. Ele tem contrato até o fim de 2019. O vínculo de Cuca com o Verdão vai até o fim de 2018.

Clima quente pós-eliminação

A queda diante do Cruzeiro, na Copa do Brasil, fez pesar o ambiente no vestiário do Palmeiras. Ainda no Mineirão, Egídio foi alvo de irritação de Cuca e Alexandre Mattos por ter trocado a camisa com Thiago Neves logo após o apito fina, sorridente, e também por ter desperdiçado uma jogada que poderia garantir a classificação ao tentar uma cavadinha. As arestas foram aparadas nesta sexta, e Cuca bancou o lateral como titular.

O clima no vestiário já estava quente por causa da irritação com a arbitragem. Nisso, Cuca e Felipe Melo concordaram: acharam o juiz muito caseiro e eram os mais exaltados.

Na chegada ao hotel, um grupo de torcedores liderado pelo conselheiro Carlos Degon cobrou Alexandre Mattos. Uma das reivindicações era de que Felipe Melo não poderia ficar fora do time. O apelo de parte da torcida por um jogador que Cuca não enxerga entre os 11 principais e que não fica satisfeito com a reserva também pesou para o afastamento.

Do LanceNet

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.