Header Ads

Quase aliviado! São Paulo arranca empate com Grêmio no Morumbi

São Paulo leva baile no primeiro tempo, mas equilibra o jogo e fica perto de sair da zona de rebaixamento. Mais de 51 mil torcedores estiveram no estádio e aplaudiram a atuação

Jogo foi no Estádio do Morumbi (Foto: LanceNet)
O São Paulo sairia da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro nesta segunda-feira se vencesse o Grêmio. Empatou por 1 a 1, no Morumbi, mas foi aplaudido pelo ponto conquistado.

O time gaúcho mostrou o motivo de ser o vice-líder e deu um baile no primeiro tempo. O gol de Pedro Rocha, aos 19 minutos, abriu o placar e foi pouco diante do domínio da equipe. Mas a última imagem que fica para os mais de 51 mil presentes no estádio foi a significativa melhora da equipe de Dorival Júnior depois do intervalo, premiada com o gol de Lucas Fernandes, aos 18 minutos.

O Grêmio deu uma aula de futebol no primeiro tempo. Jogava com a defesa e o meio-campo bem próximos e trocava passes curtos, quase sem errar. Os três jogadores de frente ainda asfixiavam a saída de bola são-paulina. 

Não adiantava Jucilei e Petros recuarem para fazer o time jogar e os laterais Bruno e Edimar só atrapalhavam. Quando a bola chegava a Cueva, o responsável pela armação, ele já estava pressionado demais.

Quando o São Paulo resolveu avançar na marra, deu campo para o Grêmio. Assim, aos 19 minutos, Pedro Rocha arrancou pela esquerda, passando por Arboleda e tendo tranquilidade na área para definir como venceria Renan Ribeiro.

Dorival Júnior mudou o jogo no intervalo. Surpreendendo muitos torcedores, organizou o meio-campo com Cícero no lugar de Jucilei. E ganhou criatividade ofensiva ao apostar em Lucas Fernandes na vaga de Jonatan Gomez.

O São Paulo passou a jogar no campo de ataque. Não escapou de sofrer perigos quando o Grêmio avançava, mas a marcação estava mais ajustada, com Petros comandando bem a cabeça de área, e o time gaúcho, finalmente, passou a ter um adversário em campo.

Contagiado pela torcida, o São Paulo se encheu de otimismo e, aos 18 minutos, Edimar teve frieza para entrar na área e encontrar Pratto. O goleiro Marcelo Grohe espalmou a bomba do argentino, mas Lucas Fernandes pegou o rebote.

O ponto somado foi o 16º do time do Morumbi, que está em antepenúltimo e tem chances de deixar a zona de rebaixamento se vencer o Botafogo, fora de casa, no sábado. Já o Grêmio perde força na caçada ao Corinthians e, com 32 pontos, fica a oito do líder.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 1 X 1 GRÊMIO
Local: Morumbi, São Paulo (SP)
Data-Hora: 24/7/2017 - 20h
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG)
Auxiliares: Guilherme Dias Camilo (Fifa-MG) e Pablo Almeida da Costa (MG)
Público/renda: 51.511 pagantes/R$ 1.367.039,00
Cartões amarelos: Rodrigo Caio (SAO), Maicon, Michel e Arthur (GRE)
Cartões vermelhos: -
Gols: Pedro Rocha (19'/1ºT) (0-1), Lucas Fernandes (18'/2ºT) (1-1)

SÃO PAULO: Renan Ribeiro; Bruno (Gilberto, aos 21'/2ºT), Arboleda, Rodrigo Caio e Edimar; Petros, Jucilei (Cícero, no intervalo) e Jonatan Gómez (Lucas Fernandes, no intervalo); Marcinho, Cueva e Pratto. Técnico: Dorival Junior.

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Edílson, Pedro Geromel, Kannemann e Cortez; Michel, Maicon, Arthur (Fernandinho, aos 20'/2ºT) e Ramiro; Pedro Rocha (Éverton, aos 33'/2ºT) e Luan. Técnico: Renato Gaúcho.

Do LanceNet

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.