Header Ads

Anvisa suspende comercialização de lotes de paracetamol e amoxilina

Comuns, medicamentos são usados para tratar sintomas da gripe e infecções. Informação foi publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira

Proibida venda do remédio (Foto: G1)
Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) recolheu lotes de medicamentos que têm como príncipio ativo o paracetamol e a amoxilina. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (30) no Diário Oficial da União.

Segundo a agência, estão suspensos em todo o Brasil a distribuição e a comercialização do medicamento genérico "Paracetamol solução oral 200mg/mL", lote 0130/16, com validade em março de 2018. O medicamento é fabricado pela Hipolabor Farmacêutica.

Também estão suspensos em todo o território nacional o medicamento Amoxil BD, da empresa Glaxosmithkline, nas concentrações 200 mg/5 ml e 400 mg/5 ml.

Comum, o paracetamol é utilizado para a redução da dor e da febre em gripes, por exemplo. Já a amoxilina, é um antibiótico recomendado usualmente para infecções das vias respiratórias.

A Hipolabor informa que o lote foi retirado do mercado por alteração no aspecto do medicamento. "Vamos apurar se a mudança foi ocasionada por armazenamento em condições inadequadas", informa a empresa.

Segundo a empresa, o lote já foi recolhido e não está disponível nas drogarias para venda.

O G1 aguarda um retorno da Glaxosmithkline sobre a suspensão do Amoxil.

Do G1

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.