Header Ads

Catão manda advogado calar a boca e gera confusão em sessão do TCE-PB

Advogado Taiguara Fernandes fazia sustentação oral

Catão e Taiguara (Foto: Wscom)
A sessão da 1ª Câmara do Tribunal de Contas, nesta quinta-feira (31), acabou em uma confusão entre o conselheiro Fernando Catão e a Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Paraíba (OAB-PB).

A confusão começou quando o advogado Taiguara Fernandes fazia sustentação oral em um processo e no meio da discussão Catão o mandou calar a boca. O presidente da Comissão de Prerrogativas da OAB-PB, Allyson Fortuna, que acompanhava a sessão, prontamente interveio, contra a postura do conselheiro.

"No momento que vossa excelência manda um advogado calar a boca, o senhor está mandando a sociedade calar a boca”, disse.

Catão retrucou e disse que não. "Não estou mandando, se o senhor quiser nós vamos para o meu gabinte discutir o que o senhor quiser", disse. 

Fortuna também anunciou que a OAB-PB irá mover uma representação contra o conselheiro. 

Do Wscom

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.