Header Ads

Presidente do Stiupb destaca trabalho da Cagepa que melhorou qualidade da água em Boqueirão

O estudo concluiu que o índice de acidez na água que chega às torneiras é melhor

Wilton Maia, presidente do Stiupb (Foto: Assessoria)
Para o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Urbanas na Paraíba (Stiupb), Wilton Maia Velez, estudos feitos em Laboratório da Universidade Estadual da Paraíba - UEPB, e divulgados na imprensa, mostram que a Cagepa soube muito bem administrar a questão da água desde o começo do racionamento da água. O estudo concluiu que o índice de acidez na água que chega às torneiras é melhor do que muitos tipos de água mineral vendidos em Campina Grande.

A reportagem divulgada pela TV Paraíba, na noite do último dia 15, mostrou que o índice de PH (Potencial de Hidrogênio, indicador que mede o nível de acidez), na água de Boqueirão é boa, em 7,40%, evitando assim acidez no sangue e futuras doenças. Vários tipos de água mineral apresentaram PH, entre 4,5 a 5,40.

Veruska Brasileiro, Doutora em Engenharia Química da UEPB disse que a água de Boqueirão apresenta um excelente PH para consumo humano. Ela explicou que o ideal é que a água seja colocada nos tradicionais potes de barro, vendidos nas feiras, os quais removem microrganismos que causam problemas gastrointestinais.

ALERTAS DO STIUPB - Mesmo antes de começar o racionamento, o Presidente do Stiupb fez diversos alertas na imprensa sobre a baixa qualidade na água, através da identificação de cianobactérias encontradas no reservatório.

"E fizemos isso para alertar a Cagepa para que medidas fossem tomadas. E foi justamente isso que aconteceu. Quando o racionamento foi iniciado, a Companhia soube tratar a água muito bem e a água chegou às torneiras dos campinenses e de mais 18 cidades com melhor qualidade, melhorando gradativamente com o passar dos meses. E a chegada de água nova proveniente da transposição do São Francisco ajudou nesse processo", destacou Wilton Maia.

O presidente do Stiupb enaltece, não apenas a Companhia, mas também todos os trabalhadores da Cagepa: "Temos profissionais habilitados, que conhecem o sistema como um todo e trabalharam e trabalham muito para que tenhamos água com qualidade", destacou Wilton Maia.

Da Assessoria de Imprensa/Stiupb

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.