Header Ads

STJ indefere liminar e mantém prefeito afastado de Bayeux na prisão

O habeas corpus (HC), com pedido de liminar, foi impetrado pela defesa de Berg Lima no último dia 2

Ex-prefeito de Bayeux (Foto: Da Net)
O prefeito afastado de Bayeux, Berg Lima, continuará na prisão. O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou nesta sexta-feira (4) o pedido de soltura impetrado pela defesa de  Berg Lima. A decisão será publicada no diário eletrônico do próximo dia 8.

O habeas corpus (HC), com pedido de liminar, foi impetrado pela defesa de Berg Lima no último dia 2. O processo foi distribuído para o gabinete da ministra Maria Thereza de Assis Moura, da sexta turma do Superior Tribunal de Justiça, que, ao analisar a liminar, negou o pedido. O mérito do habeas corpus ainda falta ser julgado.

Berg Lima está preso por decisão do Tribunal de Justiça, acusado de receber propina. Na próxima quarta-feira o Pleno do TJPB vai apreciar um recurso da defesa que pede a liberação do prefeito.

Do ParlamentoPB

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.