Header Ads

Antonio Sousa descarta Maranhão vice de Azevedo

Diretor do PMDB descarta aliança com o PSB para Maranhão apoiar Azevedo: “Sem chance”

Sousa, tesoureiro do PMDB-PB (Foto: Da Net)
Antônio Sousa, tesoureiro-geral do PMDB e um dos mais leais porta-vozes do senador Zé Maranhão, mandou um recado aos ricardistas que têm apregoado a iminência de uma aliança do seu partido com o PSB do governador Ricardo Coutinho, e também à militância peemedebista que têm reagido em redes sociais: “Isso não procede.”

Em nota, Sousa, que também é do Diretório Nacional do PMDB, afirmou: “Diante da especulação da imprensa e de algumas pessoas, quero tranquilizar nossos correligionários que, em nenhum momento, o senador e presidente estadual do PMDB, senador José Maranhão falou que iria apoiar candidato do PSB a governador em 2018. Sem chance.”

E acrescentou: “O que houve entre o senador e o governador (Ricardo Coutinho), é que voltaram a conversar, e o senador se colocou à disposição para interceder em favor dos interesses do Estado da Paraíba. Quanto à questão política, para 2018, o PMDB tratará na época própria, obedecendo a Constituição Federal e a legislação eleitoral.”

Por fim, arrematou: “O que o Senador tem pregado, inclusive na reunião de 23 de março de 2017, é que o PMDB tem candidatura própria, e em 2018 decidirá sobre alianças. Partido do porte do PMDB não pode ser coadjuvante no processo eleitoral.”

Do Blog de Helder Moura

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.