Header Ads

Cássio exalta "força do PMDB" e diz que "Maranhão tem direito de se candidatar"

Cunha Lima confirmou que não participará da festa de aniversário do senador Maranhão, neste sábado (15), na Capital

Cássio Cunha Lima (Foto: Da Net)
A crise na relação entre o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), e o senador José Maranhão (PMDB), ganhou uma nova observação nesta quinta-feira (14). O senador Cássio Cunha Lima (PSDB) entende que só com diálogo Cartaxo poderá se reaproximar do peemedebista, insatisfeito publicamente, com o prefeito da Capital.

“Estas coisas se resolvem conversando. É preciso que se tenha capacidade de diálogo para não se usar um instrumento comum na Paraíba, a de elogiar quando conveniente ou de se criticar quando oportuno. Você termina fazendo das pessoas um joguete”, comentou o tucano.

Na última terça-feira (12), Maranhão disse em tom irônico que a relação mantida com Cartaxo “está normal” e riu em seguida. Anteriormente, o peemedebista demonstrou outras duas vezes uma indisposição com o prefeito.

Cássio elogiou José Maranhão e destacou a força que o PMDB apresenta no estado para 2018. “O senador tem uma história de serviços prestados ao estado. Todos nós reconhecemos. Maranhão tem direito de postular uma candidatura ao governo pelos próprios méritos, mas também pela força inegável que o PMDB exerce na Paraíba”, ressaltou.

“O campo das oposições vai procurar manter sua unidade e coesão, com nomes competitivos e proposta para combater os problemas do estado”, finalizou.

Cunha Lima confirmou que não participará da festa de aniversário do senador José Maranhão, neste sexta-feira (15), em um dos restaurantes da orla da Capital paraibana. Lembrou, no entanto, que participou da comemoração dos 84 anos do peemedebista em Brasília.

Do Blog do Gordinho

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.