Header Ads

Prefeita Eunice Pessoa abre "Mês Cívico" em Mamanguape

A programação teve continuidade com o hasteamento dos pavilhões nacional, estadual e municipal

Prefeita Eunice participa de evento (Foto: Codecom)
A Prefeitura de Mamanguape realizou, na última sexta-feira, dia 1° de setembro, a abertura oficial do Mês Cívico na cidade, iniciando a programação dos eventos alusivos à Independência do Brasil. Pela manhã, a população foi surpreendida com a alvorada da banda marcial Renato Fonseca.

Na frente do Centro Cultural Fênix, a programação teve continuidade com o hasteamento dos pavilhões nacional, estadual e municipal. As apresentações foram realizadas pela Creche Maria do Livramento, as escolas municipais Iracema Soares com alunos da Educação Especial, Ana Cavalcanti e Manoel Fernandes.

A prefeita Eunice Pessoa, que fez a abertura oficial, hasteando a bandeira nacional, ao lado da gerente da 14ª Regional de Educação, Gerlane Pereira e do vereador Luciano Castor, disse que foi uma grande emoção quando ouviu a banda tocando a alvorada pelas ruas de Mamanguape. “Foi um grande resgate. Tivemos a sensação de que estávamos num passado bem distante”, acrescentou Eunice.

A gestora mamanguapense, vereadores, secretários, auxiliares da gestão e pessoas do povo ainda participaram, ao longo do dia, da entrega da reforma realizada nos banheiros públicos no pátio do mercado e da solenidade de aberta do Horto Florestal, completamente restaurado depois de mais de 20 anos sem atividades.

Será desenvolvida toda uma extensa programação coordenada pela Secretaria de Educação com atividades alusivas à Pátria, dentro das escolas municipais. No dia 24 de setembro (domingo), será realizado o desfile cívico-militar desenvolvendo o Tema Mamanguape Nossa Terra, Nossa História! - com a participação de autoridades, Militares, Guarda Civil Metropolitana, escolas da Rede Estadual e Municipal, além de bandas marciais de vários municípios.

Veja mais fotos






Da Codecom-Prefeitura de Mamanguape

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.