Header Ads

Stiupb e Sintab ocupam Gabinete do prefeito em protesto contra privatizações da PMCG

O ato desta terça foi a continuidade da manifestação realizada no dia 10 passado 

Os integrantes do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias  Urbanas da Paraíba (Stiupb), através do seu presidente, Wilton Maia Velez, bem como os representantes dos indicato dos Trabalhadores Públicos Municipais do Agreste da Borborema (Sintab) reuniram centenas de servidores e a população em geral num protesto na manhã desta terça-feira, 17, no qual ocuparam o gabinete do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB) e a Câmara Municipal, onde está o Projeto de Lei encaminhado pelo prefeito que trata da Lei das privatizações dos serviços públicos municipais, inclusive da Cagepa.

Dirigentes do Stiupb e do Sintab protestam contra privatizações em Campina Grande (Foto: Assessorias)
O ato desta terça foi a continuidade da manifestação realizada no dia 10 passado e que foi interrompida porque não houve Sessão na Câmara de Vereadores para discussão do Projeto de Lei do prefeito Romero Rodrigues (PSDB), que quer privatizar 16 setores da Prefeitura, além de querer gerir os serviços de água e de saneamento, hoje administrados pela Cagepa.

O Projeto de Lei foi protocolado na Câmara dia 03 passado tendo como oriundo o poder executivo municipal, com pedido de urgência para votação. Ele prevê que a Prefeitura possa realizar parcerias público-privadas no serviço público da Saúde, Educação, infraestrutura, Informática, Internet, o futuro Centro Administrativo que pretende ser construído, além de gerir os serviços de água e esgoto, hoje administrados pela Cagepa.

Durante o ato, houve palavras de ordem contra o prefeito e o presidente do Stiupb disse que os trabalhadores, não apenas da Cagepa, mas também os servidores da Educação e Saúde (capitaneados pelo Sintab), repitaram o grande ato público e ocupação da CMCG que aconteceu no último dia 10, quando uma multidão lotou a Casa de Félix Araújo. Também neste movimento desta terça-feira, foram distribuídas listas para que cada servidor colete assinaturas contra a emenda.

Da Assessoria/Stiupb

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.