Header Ads

STJ concede habeas corpus e Carlos Arthur Nuzman será solto

Para autorizar a soltura do dirigente, o tribunal exigiu a aplicação de medidas cautelares

Nuzman (Foto: Da Net)
O Superior Tribunal de Justiça (STJ) concedeu na tarde desta quinta-feira habeas corpus a Carlos Arthur Nuzman, preso desde o dia 5 deste mês sob a acusação de participação em suposto esquema de compra de votos para o Rio de Janeiro ser sede dos Jogos Olímpicos de 2016. Assim, o cartola será solto.

A decisão é da 6ª Turma do STJ, que concedeu liminar por unanimidade a pedido dos advogados de defesa do presidente licenciado do Comitê Rio-2016 e ex-presidente do Comitê Olímpico do Brasil (COB). Para autorizar a soltura de Nuzman, o tribunal exigiu a aplicação de medidas cautelares.

O dirigente terá que comparecer mensalmente ao juízo, está proibido de acessar escritórios do Rio-2016 e do COB, proibido de manter contato com demais acusados pelo Ministério Público Federal, proibido de se ausentar da comarca do Rio sem autorização, terá de entregar os passaportes, e teve suspensa todas as atividades vinculadas ao Rio-2016 e ao COB. O mérito do pedido ainda será julgado pela mesma turma.

De O Dia

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.