Header Ads

Igor Bento quer mais espaços culturais em GBA, inclusive o "Café Com Poeira"

Acadêmico de Direito, Igor está colocando seu nome como pré-candidato a deputado federal pelo PT

Igor Bento (blusa vermelha) e os artistas do "Café Com Poeira" (Foto: Da Assessoria)
Pré-candidato a deputado federal pelo PT, o acadêmico de Direito Igor Bento revelou, com exclusividade para Fato a Fato que, em sendo eleito, vai lutar por mais espaços culturais em Guarabira e região. Ele também se referiu ao Movimento Cultural "Café Com Poeira", dizendo se tratar de "patrimônio da cultura artística da cidade".

Acerca do manifesto cultura, realizado todas às sextas-feiras na Praça Nossa Senhora da Luz, Bento acrescentou: "o Café com Poeira é um patrimônio cultural e artístico de Guarabira. Eu não posso elencar nesse momento um projeto de forma prática para o movimento, pois correria o risco de cometer o erro de a Prefeitura de Guarabira e seus aliados darem viés de interesse pessoal ao movimento."

Quando perguntado como via a relação entre o "Café Com Poeira" e a Igreja Católica local, o pré-candidato a deputado federal disse: "a  Igreja Católica, embora tenha pontuado suas críticas, nunca foi para o campo do confronto com este grupo, não do confronto jurídico ou da tentativa de golpear ou silenciar às expressões artísticas de nossa gente." 

Adiante, quando provocado a falar sobre  o cerceamento dos direitos culturais, o futuro bacharel em Direito explica: "é inaceitável que a tendência nacional de criminalização e censura da arte seja reverberada pela elite guarabirense. Ninguém pode nos ditar o que é arte e cultura. As expressões artísticas são elementos subjetivos da humanidade, não cabe em conceitos." 

Quanto ao apoio da Prefeitura, Bento revela o seguinte: "nós não o buscamos de forma financeira nem estrutural, muito ao contrário. Reivindicamos que a cidade de Guarabira tenha uma gestão de política pública de Estado na Cultura, resguardando os interesses da constituição. O prefeito não precisa gostar de arte, ele precisa fazer cumprir a liberdade de expressão cultural, que é regida e velada pelo ordenamento jurídico desse país", assinalou.

Veja mais fotos



Da Redação/Fato a Fato

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.