Header Ads

Por unanimidade, TCE-PB mantém suspenso Empreender do Estado

Catão evitou comentar declarações da gestora do programa em relação a uma possível motivação política sua ao emitir a medida cautelar

Sede do TCE-PB (Foto: Da Net)
Durante sessão realizada nesta quarta-feira (08), o Pleno do Tribunal de Contas do Estado referendou, por unanimidade, medida cautelar expedida pelo conselheiro Fernando Catão para suspender os empréstimos do programa Empreender Paraíba.

“O sistema de crédito para a população é importante, mas também é importante que exista todas as informações e metas necessárias”, argumentou o conselheiro.

Catão evitou comentar declarações da gestora do programa em relação a uma possível motivação política sua ao emitir a medida cautelar.

Foram constatados “indícios suficientes” de irregularidades na concessão dos empréstimos. O conselheiro destaca em sua decisão que em caso de descumprimento da medida cautelar, todos os atos serão considerados irregulares e nulos.

O presidente da Corte de Contas, André Carlo Torres, acrescentou que todos os gestores envolvidos foram citados para prestar esclarecimentos e que o TCE cumpre seu papel de acompanhar a execução financeira dos órgãos.

Do MaisPB

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.