Header Ads

Promotora revela pressão em processo que cassou prefeito de Bananeiras

Douglas Lucena e Guga Aragão tiveram os mandatos cassados pelo juiz da 14ª Zona Eleitoral, Jailson Sizue Suassuna

A promotora Ana Pordeus Gadelha revelou, nessa terça-feira (31), que sofreu pressão para apreciar processo, que resultou na cassação prefeito de Bananeiras, Douglas Lucena, e do seu vice, Guga Aragão.

Segundo ela, a pressão foi feita pela coligação adversária, que perdeu as eleições municipais de 2016, encabeçada por Mateus Bezerra. 

“Durante quatro meses eu fiquei com esse processo e sofri uma pressão muito grande por parte de coligação de Matheus, que ia direto em busca desse processo, da advogada dele, para eu entregar esse processo”, disse a promotora.

As declarações da promotora foram feitas durante entrevista a rádio Correio da Serra. 

Douglas Lucena (Foto: Wscom)
Douglas e Guga tiveram os mandatos cassados pelo juiz da 14ª Zona Eleitoral, Jailson Sizue Suassuna. De acordo com o chefe do Cartório da 14ª Zona Eleitoral, Mário Lopes, eles não deixam o cargo de imediato.

A decisão oficial vai ser publicada no dia 6 de novembro. A partir do dia seguinte, o prefeito Douglas e o vice podem recorrer. Se o recurso for até a última instância e os dois foram considerados culpados, vai haver novas eleições. 

Em nota à imprensa, o prefeito informou que vai recorrer ao Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) e afirmou que os argumentos postos nos autos são frágeis juridicamente. Ele ressaltou, ainda, que a decisão não foi publicada oficialmente e, por isso, estranha a repercussão da notícia.

Do Wscom

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.