Header Ads

Clubes querem rever contrato com EI para transmitir Paraibano; multa é de R$1 mi

O Esporte Interativo possui os direitos de transmissão até 2022

Reunião na FPF (Foto: Wscom)
Em reunião na tarde desta quarta-feira (10), ficou acordada uma revisão no contrato de transmissão do Campeonato Paraibano entre os clubes, a Federação Paraibana de Futebol (FPF), e o Esporte Interativo (EI), em novo encontro que deve ser realizado em breve. O EI possui os direitos de transmissão até 2022, e uma quebra no acordo, como transmissão sem autorização, pode render multa de até R$ 1 milhão para as partes.

O imbróglio começou após portais da Paraíba serem impedidos de transmitir partidas do Campeonato, no último domingo (7).  A Associação de Mídias Digitais (AMIDI) repudiou o ato, e representada na reunião pelo secretário geral, Gutemberg Cardoso, prometeu judicializar o caso.

O presidente da Federação Paraibana, Amadeu Rodrigues, afirmou que não está disposto a pagar a multa por infligir as cláusulas contratuais, o que ocorreria se permitisse a transmissão dos portais. Ele salientou que o Esporte Interativo pode autorizar a transmissão desde que haja uma negociação.

Assista entrevista com o presidente da FPF


Do Wscom

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.