Header Ads

Imagens de agressão de André Amaral serão enviadas à Câmara

Deputado federal agrediu vereador de Bayeux durante sessão de investigação

André Amaral (Foto: Da Net)
O deputado André Amaral (PMDB-PB) desferiu socos em um vereador durante depoimento que prestava na Câmara Municipal de Bayeux, na região metropolitana de João Pessoa. Irritado com perguntas feitas pelo vereador Roberto da Silva (Podemos), o Betinho da RS, Amaral se levantou e agrediu o interlocutor, que estava sentado.

O deputado era ouvido como testemunha de acusação no processo de cassação do prefeito interino, Luiz Antônio Alvino (PSDB), investigado por corrupção. Amaral também acusa Luiz Antônio de fazer campanha de difamação contra ele.

Veja o momento da agressão:


Depois da agressão, o vereador foi até uma delegacia registrar queixa contra o deputado por lesões corporais. Em vídeo publicado pouco após o episódio, André Amaral disse que reagiu aos ataques do vereador “em defesa da honra” e chamou Betinho de “capacho” do prefeito. “Quando eu cheguei na Câmara, ele disse que eu era deputado meia-tigela e que tinha capangas. Eu defendi a minha honra”, declarou. O vereador afirmou que foi “atacado covardemente” por exercer sua função como membro da comissão processante.

A explicação do deputado:


Betinho adiantou que vai enviar as imagens da sessão à Câmara para que sejam tomadas as “medidas cabíveis contra o agressor”. Luiz Antônio assumiu o cargo em julho do ano passado após a prisão do titular, Berg Lima, flagrado pedindo propina a um fornecedor da prefeitura. Solto em novembro, ele ainda tenta na Justiça voltar ao cargo.

Do Congresso em Foco

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.