Header Ads

Correios decidem entrar em greve a partir de segunda-feira

O sindicato não garantiu a manutenção de um percentual mínimo de funcionários trabalhando

Correios anuncia greve (Foto: Da Net)
Os trabalhadores dos Correios de todo o país vão entrar em greve, a partir desta segunda-feira (12), por tempo indeterminado. Na Paraíba, segundo o sindicato, são 1.500 funcionários dos Correios. O motivo principal do movimento é a retirada do direito ao plano de saúde da categoria. 

Um dos diretores do Sindicato dos Trabalhadores em Correios e Telégrafos na Paraíba (Sintec-PB), Marcos Roberto Rodrigues Silva, disse que o governo está impondo o pagamento de mensalidade no plano de saúde, aumentando a coparticipação dos trabalhadores e cobrando todos os exames e internações, além da retirada de pai e mãe dos benefícios. 

"O piso de um funcionário é R$ 1.200, não tem condição de pagar em média R$ 600", disse. 

A categoria ainda aponta o fechamento de agências e a falta de segurança nas agências entre os principais motivos para a mobilização.

A greve foi definida em assembleia realizada no último dia 2, quando foi avaliada a proposta apresentada pelo ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST) em audiência de conciliação, sobre o plano de saúde. Os trabalhadores rejeitaram a proposta por unanimidade.

O sindicato não garantiu a manutenção de um percentual mínimo de funcionários trabalhando. Marcos explicou que, "geralmente se mantém percentual de 30%, mas não temos controle", disse, justificando que a mobilização é uma ação voluntária. 

Do ClickPB

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.