Header Ads

CMG discute projeto dos taxistas e Neide apresenta emenda em benefício da categoria

Proposta da presidenta da Câmara Municipal aumenta de 10 para 15 anos prazo para os taxistas se adequarem às exigências da lei

Neide apresentou emenda para os taxistas (Foto: Da Net)
A Câmara de Vereadores de Guarabira iniciou, na sessão da última terça-feira (3), a discussão da Lei Municipal 856/2009, que estabelece até o próximo ano (2019) a concessão de alvarás para a adequação nos veículos dos taxistas guarabirense. 

Conforme a legislação em vigor, os taxistas teriam, basicamente, até setembro do próximo ano para se adequarem com veículos de quatro (4) portas e da cor prata. A categoria, presente a sessão da terça-feira, solicitou a prorrogação do prazo e a presidenta da Câmara, vereadora Josineide Nicolau (Neide de Teotônio – PPS), apresentou emenda que beneficia os profissionais de táxi de Guarabira.

De acordo com a propositura da vereadora Neide, o prazo para adequações exigidas na lei anterior seria acrescido por mais 5 (cinco) anos, mas prevalecendo a cor prata para os veículos a serem adquiridos pelos taxistas de Guarabira.

Durante as discussões, ficou acordado que o prazo poderá ser de seis anos e também o veículo ter a cor branca. Os taxistas gostaram das novas propostas, mas tudo será definido em novas sessões, inclusive com apresentação de outras emendas à lei de 2009.

Até onde Fato a Fato apurou, a lei receberá outras emendas de autorias dos vereadores Renato Toscano, Elias Asfora Filho, Wilson de Oliveira Gomes Filho (Wilsinho) e José Tolentino de Alustau (Zé Ismai)

Participaram da sessão, requerida pelo vereador Renato Meireles (PSB), os parlamentares com assento na Casa, oficiais do Corpo de Bombeiros, Gilberto Machado (Diretor da STTtrans de Guarabira), além de vários taxistas interessados no tema em discussão.

Veja mais fotos



Da Redação/Fato a Fato

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.