Header Ads

Vitória aproveita chances e vence Vasco em São Januário

Equipe de Vagner Mancini conseguiu ser efetiva quando esteve próximo à área de Martin Silva e somou três pontos fora de casa. Cariocas perdem a primeira partida no Brasileiro

Time do Vitória-BA vence o Vasco dentro do São Januário e abre nova crise na equipe carioca (Foto: LanceNet)
O Dia das Mães em São Januário não teve bacalhau; foi à base do tempero baiano. O Vasco esteve melhor na partida, mas o Vitória soube aproveitar as oportunidades e saiu com os três pontos: 3 a 2. André Lima, Lucas Fernandes e Werley (contra) marcaram para os visitantes. Pikachu e Ríos fizeram para o time cruz-maltino.

MUDANÇAS

Com os times atravessando fases não muito boas, Zé Ricardo e Vagner Mancini fizeram mudanças. Pelo lado vascaíno, Breno na vaga de Paulão e Bruno Silva na de Wellington. No Vitória, Wallyson e André Lima ganharam chance.

FALHA E OPORTUNISMO

A partida vinha sendo lá e cá, mas sem oportunidades claras. Até que Desábato falhou ao recuar a bola e Martin Silva foi obrigado a dividir com Neilton. No rebote, André Lima bateu para o gol vazio.

DOIS PARA UM

O Vasco tinha mais posse de bola e rondava a área do Vitória. Até que, em passe de Ríos pelo alto, Wagner tomou à frente e sofreu pênalti. Ríos bateu e Caique pegou. No rebote, o goleiro, para evitar finalização de Caio Monteiro, deu um carrinho: nova penalidade. Pikachu foi para bola e deixou tudo igual na Colina.

DEFESAS

O segundo tempo, foi, praticamente, um ataque contra defesa. O Vasco empurrava o Vitória para o campo de defesa e criava oportunidades – Caíque fez duas grandes defesas. Já a equipe baiana, apostava nos contra-ataques.

CORRERIA

E foi justamente assim que o time de Mancini ampliou. Lucas Fernandes, que havia entrado pouco antes, avançou pela esquerda e bateu. A bola desviou e encobriu Martin.

FOGO AMIGO

Pouco depois, em cobrança de escanteio, Werley desviou contra o próprio gol: terceiro do Vitória. 

ESPERANÇA E PROTESTOS
Próximo ao fim, Ríos ainda fez o segundo do Vasco, dando esperança à torcida por, ao menos, um empate. Riascos, depois, desperdiçou chance clara. Ao apito final, celebração baiana e vaias para o Vasco.

VASCO 2 X 3 VITÓRIA

Local: São Januário, Rio de Janeiro (RJ)
Data-Hora: 13/5/2018 - 16h
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves (RS) 
Assistentes: Leirson Peng Martins e Lucio Beiersdorf Flor (RS)
Gols: 16’ 1ºT André Lima (0-1) ; 39’ 1ºT Yago Pikachu (1-1) ; 25’ 2ºT Lucas Fernandes (1-2) ; 30' 2ºT Werley - contra (1-3) e 37' 2ºT Andrés Rios (2-3) 
Público/Renda: 3143 pagantes/ 3542 presentes/ R$ 81.630,00
Cartões amarelos: Walisson Maia (33’ 1ºT) Breno (34’ 1ºT) Fillipe Souto (9’ 2ºT) Henrique (40’ 2ºT)
Cartões vermelhos: -

VASCO: Martin Silva; Rafael Galhardo, Breno, Werley, Henrique; Desábato, Bruno Silva (Bruno Cosendey, 21'/2T), Wagner (Riascos, 32'/2T), Yago Pikachu; Caio Monteiro (Kelvin, 14'/2T) e Andrés Rios T: Zé Ricardo

VITÓRIA: Caíque; Lucas (Zé Wellison, 32'/2T), Kanu, Walisson Maia, Jeferson; Willian Farias, Fillipe Souto, Rhayner (Lucas Fernandes, 23'/2T), Neilton; Wallyson e André Lima (Denilson, 28'/2T) T: Vagner Mancini

Do LanceNet

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.