Header Ads

Passageiro de Uber é morto durante assalto a agência bancária em Santa Rita

Vítima estava com a namorada, que não se feriu. O motorista do transporte também não foi atingido

Deivisson foi morto a tiros (Foto: Portal Correio)
Um homem identificado como Deivisson Pereira, de 40 anos, morreu, na madrugada desta sexta-feira (8), após ser atingido por um tiro em Santa Rita, na Região Metropolitana de João Pessoa. Ele estava em um uber e foi baleado ao passar próximo a uma agência da Caixa Econômica Federal no bairro Tibiri, onde ocorria um roubo. Deivisson estava com a namorada, que não se feriu. O motorista do transporte também não foi atingido.

A agência foi invadida por criminosos por volta das 3h30. Houve um tiroteio no local e uma bala acabou atingido a vítima, que chegou a ser socorrida para o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, mas morreu instantes depois. Ainda não se tinha detalhes sobre as circunstâncias do tiroteio até a publicação desta matéria.

A Polícia Civil diz que só soube do caso por volta das 5h45, quando a namorada de Deivisson Pereira procurou uma delegacia para relatar o ocorrido. O delegado que atendeu o caso informou que uma perícia foi solicitada para apontar o calibre da arma que atingiu o carro.

A Polícia Militar divulgou que atuou no combate à quadrilha, realizando perseguição e apreensões, mas não tinha informação sobre a situação dos disparos. Segundo a PM, os militares perceberam dois suspeitos em um carro estacionado às margens da BR-230, perto da entrada do bairro Tibiri. A PM foi abordar o veículo, mas eles começaram a fugir, tendo início uma perseguição que só parou em Bayeux, onde os criminosos fugiram.

Agência bancária onde o crime aconteceu (Foto: PB Agora)
“Ao perceberem que estavam cercados, os outros integrantes da quadrilha colocaram fogo em um outro carro, na entrada de Tibiri II, com objetivo de dificultar a prisão do bando, fugindo em seguida em direção ao bairro de Marcos Moura, também em Santa Rita. O Grupamento de Ações Táticas Especiais (Gate) fez uma varredura na agência, que teve ainda a frente e parte do acesso ao cofre explodidos, e apreendeu cinco bananas de dinamite que a quadrilha teve que abandonar para fugir”, divulgou a Polícia Militar.

Os policiais continuaram as buscas e, por volta das 5h30, foram encontradas malas com fardamento da Polícia Militar de Pernambuco, no bairro do Ernani Sátiro, em João Pessoa, e dois carros perto da entrada da cidade do Conde. A PM acredita que isso pode ser um indicativo de que a quadrilha seja do estado vizinho. O material apreendido foi levado para a sede da Polícia Federal, em Cabedelo. Nenhum suspeito foi preso.

Do Portal Correio

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.