Header Ads

Interventor da FPF reúne clubes, que pedem nova Comissão Eleitoral

De acordo com o interventor, as equipes colocaram algumas demandas na reunião

Interventor se reúne com clubes da PB (Foto: PB Agora)
O novo interventor da Federação Paraibana de Futebol (FPF), João Bosco Luz, convocou os clubes profissionais da Paraíba, da primeira e segunda divisões, para explicar como vai ser nova intervenção na entidade. A ideia da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que nomeou Luz como presidente interino da FPF, é que ele possa ajudar a conduzir as eleições para a presidência da Federação, marcadas para 1º de setembro. No encontro, os clubes pediram que uma nova Comissão Eleitoral seja nomeada para comandar o pleito.

Em seu último ato administrativo no comando da FPF, o presidente Nosman Barreiro - que foi suspenso por 60 dias pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) - designou a comissão responsável por organizar as eleições, que foram marcadas, também por ele, para o dia 1º de setembro.

Foram nomeados José Vandalberto de Carvalho, ex-procurador geral de João Pessoa e de Cabedelo, Marcos Van Der Veen Cotrim, delegado da Polícia Federal e Tainá de Freitas, diretora-tesoureira da OAB-PB.

De acordo com o interventor, que deu entrevista coletiva após o encontro entre ele e os clubes profissionais da Paraíba, as equipes colocaram algumas demandas na reunião e a principal delas no tocante às eleições foi em relação à Comissão Eleitoral.

Convocamos os clubes de primeira e segunda divisão justamente para trocarmos ideia em relação ao processo eleitoral. A federação existe em função dos clubes. Quem define como devem ser as coisas na federação são os clubes. Iremos analisar a questão da Comissão Eleitoral na próxima semana, já que ela vai definir quem tem condição de voto e ser votado. Os clubes requereram que seja formada uma nova Comissão Eleitoral, mas nós vamos analisar juridicamente se isso é possível – explicou.

João Bosco Luz ainda reiterou que o seu objetivo é realizar as eleições o quanto antes. Por isso a data marcada por Nosman Barreiro para o pleito, dia 1º de setembro, segue sendo o norte do calendário eleitoral para o interventor.

Da elite do futebol paraibano, estiveram presentes os presidentes Watteau Rodrigues (Auto Esporte), Zezinho Botafogo (Botafogo-PB) e William Simões (Campinense). Fábio Azevedo, diretor de futebol do Treze e Josivaldo Alves, presidente do Conselho do CSP também foram à reunião. Além deles, presidentes e representantes legais de outros clubes profissionais também estiveram no encontro.

2ª divisão do Paraibano mantida

João Bosco Luz também fez questão de enfatizar que nenhuma mudança em relação às competições devem realizadas ela intervenção. E confirmou que a 2ª divisão do Campeonato Paraibano deve mesmo começar em setembro, no dia 16, como já estava planejado.

Da Redação do PB Agora com globoesportes.com
Publicada em 11/08/18, às 21h15

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.