Header Ads

Raniery defende salários dos agentes de saúde a apresenta Moção de Protesto contra Temer

Na oportunidade, o parlamentar ainda solicitou aos congressistas que lutem para a derrubada do veto

Deputado Raniery Paulino (Foto: Da Net)
Na manhã desta quarta-feira (22), em pronunciamento na tribuna da ALPB, o deputado stadual Raniery Paulino apresentou um voto de protesto ao veto da Presidência da República, que retirou o aumento salarial dos Agentes Comunitários de Saúde e dos Agentes de Combate às Endemias.

De acordo com Raniery, essa moção é em apoio aos Agentes Comunitários de Saúde e aos Agentes de Combate às Endemias. "Não podemos aceitar um veto que prejudique aqueles que estão nas ruas visitando casas e colaborando com a população, por isso que apresentei essa moção de protesto contra o governo federal”, frisou o deputado.

Na oportunidade, o parlamentar ainda solicitou aos congressistas que lutem para a derrubada do veto. "Conversei com os deputados paraibanos e com o senador José Maranhão para que possam derrubar o veto do Governo Federal, que irá prejudicar as duas categorias” concluiu.

O veto presidenciável é da Medida Provisória 827/2018, aprovado no Congresso, que dá aos agentes de saúde o piso salarial de R$ 1.250,00 em 2019, subindo para R$ 1.400,00 em 2020 e depois para R$ 1.550,00 em 2021.

O valor seria reajustado anualmente, a partir de janeiro de 2020, sendo fixado na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). Todos esses trechos foram retirados da lei.

Da Assessoria de Imprensa com Fato a Fato
Publicada em 23h46

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.