Header Ads

Internacional vence o Fla no Beira-Rio e é o novo líder do Brasileirão

Colorado vence confronto direto com o Rubro-Negro, com gols de William Pottker e Rodrigo Dourado, e assume primeira posição da tabela graças à derrota do São Paulo para o Galo

Inter comemora vitória (Foto: LanceNet)
Após a vitória do Internacional sobre o Flamengo por 2 a 1, os clubes viveram sensações opostas no Beira-Rio. Os colorados estavam em êxtase. Afinal, assumiram a liderança graças à derrota do São Paulo para o Atlético-MG - os dois somam 46 pontos, com os gaúchos levando vantagem no saldo de gols.

No Rubro-Negro, que foi ultrapassado pelo Palmeiras e agora é o quarto lugar, o sentimento é de preocupação pela sequência de atuações e resultados ruins pelo Campeonato Brasileiro. São três derrotas e um empate em cinco rodadas.

INTER LARGA NA FRENTE

O Colorado não perdeu tempo para abrir o placar. Atuando desde o apito inicial com a intensidade que o jogo merecia, o time de Odair Hellmann largou na frente com William Pottker ainda aos cinco minutos. O atacante aproveitou a falha de Léo Duarte e encheu o pé esquerdo, sem dar chances a Diego Alves.

Dono da melhor defesa do returno, o Colorado controlou o jogo até o intervalo. Quando foi exigido, Marcelo Lomba fez boas intervenções- duas em cabeçadas de Marlos. O ataque, por sua vez, produziu pouco e o 1 a 0 persistiu no placar.

AS OPÇÕES DE BARBIERI

Sem três meias titulares (Cuéllar, Diego e Paquetá), o Fla entrou com uma nova formação. Barbieri optou por dois volantes - Piris da Motta e Rômulo - e um ataque com Everton Ribeiro, Vitinho, Marlos Moreno e Lincoln, todos com liberdade de movimentação. A estratégia não teve o resultado final esperado.

A dupla de volantes teve problemas para fechar a entrada da área e cobrir os espaços deixados pelos homens da frente. Além disso, apresentaram a dificuldade esperada na saída de bola - nenhum dos dois têm tal característica.

O Fla não encontrou espaços para contra-atacar, como queria Barbieri. Os velozes Marlos e Vitinho até fizeram bons desarmes, mas tinham quase o campo todo pela frente a percorrer antes de ameaçar o rival. Everton Ribeiro, que vinha em grande sequência após a Copa do Mundo, fez partida discreta.

ALEGRIA DUROU POUCO...

O cenário seguiu o mesmo na volta do intervalo e Barbieri mexeu: Arão no lugar de Piris. A mudança teve efeito imediato: o camisa 5 arrancou pela direita e a bola chegou a Vitinho na entrada da área. O chutaço do atacante explodiu no travessão antes de cruzar a linha de gol: 1 a 1.

O Rubro-Negro pouco pôde comemorar. Dois minutos depois, em novo vacilo defensivo em bola aérea, Rodrigo Dourado fez 2 a 1. Matheus Savio e Uribe foram as cartadas finais de Barbieri. O meia teve a chance de empatar, mas Marcelo Lomba garantiu a vitória, liderança e festa colorada no Beira-Rio.

FICHA TÉCNICA 
INTERNACIONAL 2X1 FLAMENGO 

Estádio: Beira-Rio, em Porto Alegre
Data: 5 de setembro de 2018, às 21h45
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG/Fifa)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG/Fifa) e Sidmar dos Santos Meurer (MG)
Renda/Público: R$ 842.060,00 / 30.389 pagantes (33.633 presentes)
Cartão amarelo: Victor Cuesta, Marcelo Lomba´e Jonatan Álvez (INT); Piris da Motta (FLA)
Cartão vermelho: Não houve.
Gols: William Potkker (1-0, 5'/1ºT), Vitinho (1-1, 11'/2ºT) e Rodrigo Dourado (2-1, 13'/2ºT)

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Zeca (Fabiano, 15'/2ºT), Moledo, Victor Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado, Edenílson e Patrick; Nico López (Leandro Damião, 31'/2ºT), William Pottker e Jonatan Álvez (D'Alessandro, 21'/2]T)- T: Odair Hellmann.

FLAMENGO: Diego Alves; Pará, Léo Duarte, Rhodolfo e Renê; Piris da Motta (Willian Arão, 9'/2ºT), Rômulo e Everton Ribeiro; Marlos Moreno (Matheus Savio, 34'/2ºT), Vitinho e Lincoln (Uribe, 24'/2ºT) - T: Maurício Barbieri.

Do LanceNet
Em 06.09.18, às 14h20

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.