Header Ads

Câmara de Cabedelo deve realizar julgamento que deixa Leto inelegível

Os olhos estão voltados para Cabedelo até dezembro, já que eleições suplementares serão realizadas na cidade dia 09/12

Câmara de Cabedelo (Foto: Da Net)
A Câmara Municipal de Cabedelo se prepara para realizar o julgamento que pode deixar o ex-prefeito Leto Viana (PRP) inelegível. A sessão está prevista para a próxima terça-feira (06). Leto renunciou ao mandato e segue preso após desdobramentos da Operação Xeque Mate, que envolveu Polícia Federal, Civil, Gaeco e Ministério Público.

Com a cassação dos direitos políticos, já que pela renúncia ele não pode ter mandato cassado, Leto pode ficar inelegível para as próximas eleições no país, não podendo disputar nenhum cargo municipal, estadual ou federal.

Há ainda a expectativa que  apresentação do parecer e votação que pode resultar na cassação dos direitos políticos de Leto por oito anos fique apenas para a quinta-feira (8).

Os olhos estão voltados para Cabedelo até dezembro, já que eleições suplementares serão realizadas na cidade dia 09/12. Até agora, pelo menos quatro nomes já estão no páreo para a disputa, mostrando que o governo segue cobiçado pelos políticos.

Da Redação do PB Agora
Em 04.11.18, às 15h12

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.