Header Ads

Diego Alves e Dorival batem boca na frente do elenco do Flamengo

Preterido pelo treinador, goleiro tenta explicar ao grupo sua versão por ter se recusado a viajar para Curitiba, mas camisa 1 acaba discutindo feio com comandante e será multado pelo clube

Goleiro se desentendeu com treinador desde que não foi relacionado para jogo pelo Brasileiro (Foto: GE)
O clima entre Diego Alves e Flamengo ficou insustentável. O goleiro discutiu asperamente com o técnico Dorival Junior, nesta quarta-feira, no Ninho do Urubu, na frente de todo o elenco. O camisa 1 ainda não engoliu o fato de ter sido barrado pelo treinador. O clube já bateu o martelo que haverá multa , mas goleiro ainda não foi notificado.

A informação da "Coluna do Flamengo" foi confirmada pelo GloboEsporte.com. Em uma reunião com o elenco, na terça, Diego Alves apresentou sua versão por ter se recusado a viajar para Curitiba, na véspera do jogo contra o Paraná, ao saber que César seria o titular. Ao saber do encontro, Dorival se incomodou e reuniu o grupo. O clima esquentou, e os dois precisaram ser contidos por jogadores e pelo diretor Carlos Noval.

Diego Alves deu a entender que foi liberado pela comissão técnica e por isso não viajou com o grupo para Curitiba. Dorival negou a versão e afirmou que o goleiro se recusou a viajar. Fato é que o atleta, que se recupera de lesão no joelho, dificilmente voltará a jogar com o treinador.

Na semana passada, a cúpula do futebol do Flamengo convocou coletiva para tentar esclarecer a situação. Na ocasião, o vice de futebol Ricardo Lomba afirmou que o goleiro treinaria normalmente e estava à disposição de Dorival. Diego, no entanto, não foi relacionado para o jogo contra o Palmeiras, no último sábado.

Do Globo Esporte
Em 02.11.18, às 18h20

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.