Header Ads

Aposentados da PBPREV vão ter que fazer ‘prova de vida’

O decreto foi instituído pelo governador Ricardo Coutinho (PSB) e publicado na edição deste sábado (08) do Diário Oficial do Estado

Sede da PBPREV em JP (Foto: Da Net)
Os aposentados e pensionistas cujo benefícios previdenciários são geridos pela Paraíba Previdência-PBPREV, terão que realizar a prova de vida anual junto aos bancos para comprovar que estão vivos e aptos a receberem os valores pagos pelo Governo do Estado. A não prova de vida pode acarretar no bloqueio do benefício, que só será restabelecido após a regularização.

O decreto foi instituído pelo governador Ricardo Coutinho (PSB) e publicado na edição deste sábado (08) do Diário Oficial do Estado.

Na publicação fica estabelecida que a medida funcionará a partir de janeiro do próximo ano. O beneficiário terá que procurar o banco o qual gere o seu pagamento dentro do mês de aniversário, entre os dias 11 e 25, por exemplo: quem nasceu em abril terá que se dirigir até a instituição financeira entre os dias 11 e 25 de abril.

Para que a comprovação de vida seja validada, os aposentados ou pensionistas terão que apresentar um documento oficial que esteja sem rasuras e legíveis, serão aceitos: RG, Carteira Nacional de Habilitação, Carteira de Trabalho, Passaporte, Carteira de Reservista ou Carteira de Identificação de Entidade de Classe.

A prova de vida também poderá ser feita por um curador, tutor, procurador ou representante legal do beneficiário, desde que esteja com a documentação necessária para comprovar que é responsável de um beneficiário que não tenha condições de ir ao banco por doença grave, impossibilidade de locomoção, declarado incapaz ou resida no exterior.

Do MaisPB
Em 08.12.18, às 18h48

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.