Header Ads

Ludgério não descarta aliança com PSB para disputar PMCG em 2020

Deputado pretende disputar a PMCG com o apoio do Palácio da Redenção

Deputado Manoel Ludgério com o governador João Azevêdo e outras lideranças (Foto: PB Agora)
Apesar de integrar a bancada que faz oposição ao Governo João Azevêdo (PSB) na Assembleia Legislativa da Paraíba, o deputado estadual Manoel Ludgério, do PSD, é daqueles que evita afirmar 'desta água não beberei' quando o assunto é a aproximação com o PSB na Rainha da Borborema.

É que depois de se negar a assinar uma CPI para apurar supostas irregularidades nos contratos da Cruz Vermelha junto a administração estadual, o parlamentar, agora avisou que não descartaria uma aliança com os girassois para disputar a prefeitura de Campina Grande, em 2020.

A única reivindicação do parlamentar, no entanto, é ser o cabeça da chapa.

Em entrevista essa semana o parlamentar foi indagado se essa possível composição PSD/PSB seria uma espécie de plano B para a disputa municipa, em Campina Grande. Na resposta, o parlamentar nem disse que sim nem que não, mas sentenciou:

"Estou aberto a dialogar e receber apoio de quem quer que seja. Aliança ninguém se nega", avisou.

Apesar da resposta, o Ludgério deixou claro que, a preço de hoje, sua aliança e fidelidade é ao grupo do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), e que, se assim o tucano quiser, permanecerá em 2020 também.

"Minha aliança prioritária é com o grupo que eu habito há 30 anos, que é hoje o grupo liderado pelo prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues. Não vai ter briga, Romero é um homem do diálogo e nós vamos vencer as eleições, vocês vão ver", finalizou.

Do PB Agora
Em 14.02.19, às 23h50

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.