Header Ads

Câmara debate problemas no trânsito e na drenagem da Pedro II em Guarabira

Audiência Pública foi requerida pelos gabinetes da vereadora Michele Paulino e do deputado Raniery

Audiência debateu problemas no trânsito em GBA (Foto: Da Net)
A Câmara de Vereadores debateu, na tarde desta quinta-feira (28), os problemas no trânsito da cidade de Guarabira. Com o recinto completamente lotado, autoridades e palestrantes apresentaram diversas irregularidades, ao mesmo tempo em que pediram providências ao Governo Municipal. 

A Audiência Pública, que debateu a problemática no trânsito em Guarabira, foi proposta pelos gabinetes da vereadora Michele Paulino (MDB) e do deputado estadual Raniery Paulino (MDB). Além dos autores da propositura, participaram dos debates vários vereadores, o ex-governador Roberto Paulino, a professora Célia Nascimento, o engenheiro Rafael Nóbrega, representantes do Pelotão de Trânsito do IV BPM, associações de mototaxistas, taxistas, líderes comunitários, dentre outras autoridades.

Os debates foram em torno de problemas como fechamento de avenidas (causando congestionamento), mudanças de placas de sinalização sem aviso prévio, aplicação de multas sem justa causa, faixas de pedestres apagadas, escassez de estacionamento, falta de informação à população, além de excesso de autoridade da parte dos integrantes da STTrans e dos agentes de trânsito.

O prefeito de Guarabira, Zenóbio Toscano (PSDB), foi convidado para o debate, mas não esteve na Câmara Municipal. O gestor enviou o secretário de Infraestrutura do município, Engenheiro Murilo Filho, como seu representante. Quem também não se fez presente a Audiência Pública (mesmo sendo convidado) foi o diretor do STTrans, Gilberto Machado, que justificou a ausência.

Desde a municipalização e as mudanças no trânsito, realizadas pela Prefeitura de Guarabira, a população (pedestres) e os condutores de veículos têm reclamado do modo como essas modificações foram feitas, sobretudo na parte de mobilidade urbana, causando congestionamentos nas vias públicas, inclusive no centro da cidade, provocando insatisfação por parte de empresários e comerciantes.

População compareceu em peso, demostrando opinião contrária às mudanças no trânsito em Guarabira (Foto: Da Net)
Drenagem da Pedro II – Os debatedores também discutiram a questão da drenagem no centro de Guarabira. Mesmo com as obras iniciadas e estando em fase de conclusão, as água que descem das serras nos período chuvosos continuam causando enchentes na Avenida Dom Pedro II e setores adjacentes.

O gabinete do deputado Raniery Paulino fez vários questionamentos sobre os problemas no trânsito e na drenagem, mas a Prefeitura de Guarabira não respondeu. Durante a sessão especial, o engenheiro Rafael Nóbrega disse que as obras de abertura e implantação de galerias foram iniciadas de forma erradas.

A Audiência Pública foi encerrada com encaminhamentos que serão feitos junto a administração municipal, no sentido de que se resolva, de uma vez por toda, as questões e os problemas no trânsito e na drenagem da Avenida Pedro II.

Da Redação/Fato a Fato
Em 29.03.19, às 16h18

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.