Header Ads

Ex-secretária Livânia Farias teria feito delação, afirma deputado

A ex-secretária Livânia Farias foi presa no dia 16 de março. A prisão da secretária foi requerida pelo Ministério Público

Deputado Walber Virgulino (Foto; Reprodução Google)
O deputado Wallber Virgolino revelou, nesta segunda-feira (22), ter tomado conhecimento de uma suposta delação feita pela ex-secretária de Administração da Paraíba Livânia Farias à Operação Calvário, do Ministério Público do Estado.

Wallber disse que no momento há muito ‘silêncio’ na investigação, mas salientou que espera a tomada de medidas cabíveis e até a prisão de novos personagens no caso. 

 “A gente está vendo muito silêncio na Operação Calvário. Tomei conhecimento de um amigo que efetivamente ouve a delação da secretária Livânia e ela falou tudo que tinha que falar. Com certeza o judiciário e o Ministério Público vão adotar as medidas cabíveis e prender quem tiver que ser preso”, disse.

Prisão

A ex-secretária Livânia Farias foi presa no dia 16 de março. A prisão da secretária foi requerida pelo Ministério Público, que denunciou Livânia Farias por lavagem de dinheiro, por meio da aquisição de um imóvel no valor de R$ 400 mil no município de Sousa, no ano de 2016, e de corrupção, por ter supostamente participado do recebimento de R$ 840 mil como propina, no ano de 2018, da organização criminosa que infiltrou-se na Cruz Vermelha brasileira.

Da Redação/Portal WSCOM
Publicada por F@F em 22.04.19, às 19h43

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.