Header Ads

Roberto Paulino entra no bolsa de apostas para disputa pela PMJP

Possibilidade foi admitida pelo deputado Raniery Paulino, filho do ex-governador e vice-presidente estadual do MDB

Ex-governador Roberto Paulino (Foto: Da Net)
Há menos de um ano para as eleições municipais, a corrida sucessória já começou em algumas cidades paraibanas. O deputado estadual Raniery Paulino não descartou a possibilidade do seu pai, o ex governador Roberto Paulino (MDB) disputar a Prefeitura João Pessoa em 2020. "Tudo depende dele".

“Roberto Paulino foi governador da Paraíba por muito pouco tempo, mas mostrou a sua capacidade administrativa que administra com a cabeça e com o coração atendendo a todos. Inclusive foi o melhor governador da Polícia Militar na história da Paraíba, e isso dá uma condição a ele de voltar ao cenário político”, destacou.

Em relação ao senador José Maranhão, Raniery revelou que apesar de ter sido um dos melhores governadores da Paraíba, e ser um nome respeitado na política do Estado, ele não deve postular a prefeitura da Capital, mas vai trabalhar para manter o MDB como protagonista do pleito que se avizinha.

Em entrevista na Capital, o deputado disse que o MDB paraibano passa por um momento de mudança e fortalecimento. Esse fortalecimento, segundo ele, perpassa por candidaturas próprias. Ele revelou que na semana passada esteve reunido com o presidente nacional da legenda, o deputado Baleia Rossi, quando ficou acertado que o partido teria candidatura própria nas principais capitais do país e municípios de grande relevância.

Raniery também não descarta sua postulação à Prefeitura de Guarabira, e disse que o presidente estadual do partido, o senador José Maranhão tem conversado constantemente com importantes lideranças do estado, que deverão se filiar na legenda, e concorrer as eleições em 2020. Ele lembrou que o MDB ainda é um dos principais partidos do Brasil com grande número de prefeitos e vereadores nas principais cidades do País.

“Provavelmente aconteça um fato novo com um nome novo. Acho que esse movimento muito agudo que aconteceu na última eleição não vai acontecer nessa. Haverá um momento de equilíbrio o e de racionalidade” disse.

Por Severino Lopes com Eliabe Castor/PB Agora
Publicada por F@F em 05.11.19, às 23h22

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.