Header Ads

Menina de 14 anos afirma que foi estuprada em centro de tratamento de Covid-19

A menina está recebendo tratamento em outro hospital do governo

Caso aconteceu na Índia (Foto: Reprodução/IG)
Uma menina de 14 anos foi supostamente estuprada em um centro de tratamento de Covid-19 na Índia. O suspeito, de 19 anos, não conhecia a vítima e teve ajuda de um colega, de 20 anos, para executar o crime.

“Os dois (vítima e suspeito) não se conheciam antes, o estupro ocorreu em uma área isolada no centro de Covid-19 e um homem de 20 anos, amigo do rapaz de 19 anos, ajudou no crime”, disse Parvinder Singh, o vice-comissário da polícia de Délhi, à CNN .

A polícia registrou o incidente pela primeira vez em 16 de julho, quando a família da garota denunciou o suposto ataque. “A garota alegou que o jovem de 20 anos, além de ajudar, filmou o estupro em seu telefone. Estamos investigando isso e também a acusação de estupro”, acrescentou o vice-comissãrio.

O suposto incidente foi registrado como um caso sob a lei de Proteção de Crianças contra Ofensas Sexuais (POCSO). Singh disse à CNN que os dois suspeitos foram presos e estão em um hospital do governo sob custódia judicial porque estão em tratamento do novo coronavírus (Sars-coV-2). A menina está recebendo tratamento em outro hospital do governo.

Do IG
Publicada por F@F em 24.07.2020

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.