Header Ads

Em menos de 24h, unidades de Saúde de Mari são alvos de violência

Atos de depredação, xingamentos e ameaças contra servidores na Policlínica Municipal estão virando algo natural

Unidade de saúde arrombada (Foto: Assessoria)
João Pessoa (PB) - Em Mari em menos de 24 horas  duas ocorrências ganharam destaque na cidade, o arrombamento da Academia de Saúde do bairro José Américo e atos de depredação, xingamentos e ameaças contra servidores na Policlínica Municipal, por indivíduos aparentemente embriagados que além de ameaças deram socos em equipamentos e mobiliários sendo contidos na medida do possível por servidores até a chegada da polícia.

O médico plantonista "Dr Igor", após esse fato lamentável declarou que não trabalharia mais em Mari, engrossando a lista de profissionais que já tomaram a mesma decisão, causando grande prejuízo a população por se tratarem de excelentes médicos que deixam de contribuir para um atendimento eficiente  e qualificado

A secretária de saúde Emanuelle Chaves repudiou mais esse fato negativo, em meio a tantos outros fatos lamentáveis contra o sistema de saúde municipal, onde à mais de um ano, profissionais da saúde além de expostos a pandemia do novo Coronavírus, vem trabalhando no limite em prol da saúde e da vida de toda a população mariense

Emanuelle Chaves afirmou que após analise do vídeo das câmeras de segurança, a prefeitura tomará todas as providências necessárias, provocadas contra os servidores, assim como os prejuízos materiais causados  na Policlínica e na Academia de Saúde.

Do Repercute PB
Publicada por F@F em 19.04.2021

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.