Header Ads

Pastor teria planejado morte da esposa com ajuda da amante e do genro dela

Envolvidos queriam ficar com a casa e outros pertences da vítima, que levou 27 facadas; pastor foi preso em Itajaí (SC)

Pastor acusado de matar a esposa (Foto: Reprodução)
São Paulo (SP) - O pastor Joedison Santos foi preso na última quinta-feira (22), acusado de matar a esposa, Marianne Kelly Souza, de 35 anos, na noite de 8 de abril, em Itajaí, Santa Catarina. O homem teria planejado a morte da mulher com ajuda de sua amante, Shirlene da Silva Santos, de um adolescente e do genro de Shirlene, Lucas Fernandes. Segundo a polícia, os envolvidos queriam ficar com a casa e outros pertences de Marianne. 

Joedison foi encontrado pela polícia na casa de um outro pastor, também em Itajaí. Já a amante e o genro foram capturados em Recife. O adolescente segue desaparecido. 

Os dois presos em Pernambuco confessaram o crime à polícia e deram detalhes do assassinato. O pastor nega seu envolvimento na morte da esposa. 

Conforme investigação policial, Joedison teria combinado de buscar Marianne em frente ao supermercado em que trabalhava. A vítima foi surpreendida ao entrar no carro, pois quem dirigia era a amante do marido e os outros dois suspeitos estavam no banco de trás. Ela foi golpeada pelo genro de Shirlene e levou 27 facadas. No momento do crime, o pastor estava em casa com um pedreiro, que foi ouvido e confirmou sua presença. Os envolvidos eram próximos de Marianne, pois a família da amante morava em cima da casa da vítima.  

Lucas Fernandes e o adolescente teriam recebido R$ 2500 cada para cometer o assassinato. Os três suspeitos serão indiciados por homicídio duplamente qualificado, ocultação de cadáver e corrupção de menores. A polícia solicitou a internação do adolescente.

Do SBT Online
Publicada por F@F em 27.04.2021

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.