Header Ads

Nanda Costa, Luíza Sonza e Lexa agitam praia de Copacabana na 23ª edição da Parada Gay

Copacabana é tomada pelas cores do arco-íris neste domingo (30)

Lan Lanh e Nanda Costa (Foto: Da Net)
Centenas de pessoas se reuniram na tarde deste domingo (30) para a 23ª edição da Parada do Orgulho LGBTI do Rio de Janeiro. Ao todo, nove trios ocupam a avenida Atlântica, na altura do Posto 6 em Copacabana.

Nanda Costa, que está no ar em "Segundo Sol", compareceu com a namorada, a compositora e vocalista Lan Lanh - as duas também soltaram a voz no trio elétrico. A parte musical também é conduzida pelas cantoras Luíza Sonza, Lexa, MC Pocahontas e Simone Mazzer.

Na edição deste ano, o tema é "Vote em Ideias, Não em Pessoas. Vote em quem tem compromisso com as causas LGBTI". De acordo com os organizadores, a intenção é despertar na comunidade LGBTI mais engajamento e participação já que o Brasil passa por um momento político conturbado.

MOVIMENTO ANTI-BOLSONARO

Na tarde deste sábado (29), Nanda Costa e Lan Lanh se uniram a outros artistas para protestar contra o candidato Jair Bolsonaro (PSL).  O movimento foi difundido por celebridades brasileiras e endossado por artistas internacionais, como Madonna, Cher, Dua Lipa e Dan  Reynolds. 

Bruna Linzmeyer, Paula Lavigne, Letícia Sabatella, Sophie  Charlotte e o marido, Daniel de Oliveira, Paula Burlamaqui, Juliana Alves, Débora Lamm, Françoise Forton, Fernanda Paes Leme entre outros artistas se reuniram na Cinelândia, no centro do Rio, para protestar contra Bolsonaro.

Em São Paulo artistas como Renata Sorrah, Débora Falabella, Caco Ciocler, Camila Pitanga e Arnaldo Antunes compareceram aos atos contra o deputado no Largo da Batata. Parte deles aderiu à campanha em seus perfis de redes sociais ao longo de setembro.

Do Bem Paraná
Em 30.09.18, às 22h40

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.