Header Ads

Irreconhecível, Santos é facilmente goleado e leva 'olé' do Ituano

Equipe de Itu chegou a abrir 3 a 0 em apenas 19 minutos e conseguiu importante vitória no Estadual. Peixe, até então 100% no Paulistão, cometeu muitas falhas defensivas

Ituano vence o Santos-SP pelo placar de 5 tentos a 1. Jogadores do time vencedor vibram com vitória (Foto: LanceNet)
O Ituano "atropelou" o Santos e aplicou uma goleada no outrora invicto, por 5 a 1, na noite deste domingo, em Itu, pela quinta rodada do Campeonato Paulista. Os donos da casa surpreenderam e abriram 3 a 0 com apenas 19 minutos de jogo. O Peixe não repetiu as boas atuações e, irreconhecível, cometeu muitas falhas defensivas.

Abatidos, os jogadores do Santos se reuniram no campo ao fim do primeiro tempo, em busca de respostas. Eufórica, a torcida do Ituano gritou "olé" no segundo tempo após o quinto gol.

Falhas do Peixe, e Ituano avassalador
O Ituano surpreendeu e abriu o placar aos sete minutos. Marcos Serrato deu um lindo drible em Felipe Aguilar e lançou Morato. O camisa 10 dominou bem e chutou com categoria na saída de Vanderlei. Um minuto depois, o Santos ainda tentava entender o que estava acontecendo quando sofreu o segundo gol. Felipe Aguilar falhou feio e perdeu a bola no campo de defesa para Marcos Serrato. O volante avançou sozinho e tocou no fundo da rede, sem chance para o goleiro do Peixe: 2 a 0.

Nova falha e terceiro do Ituano
Apesar da vantagem no placar, o Ituano seguiu pressionando e ampliou ainda aos 19 minutos do primeiro tempo. Após cobrança de escanteio, Alemão cabeceou sozinho para baixo, enquanto a zaga do Santos apenas observava. A bola bateu na trave e sobrou limpa para Jonas, que só teve o trabalho de empurrar para o gol.

Artilheiro Jean Mota desconta
Derlis González desperdiçou uma boa chance de diminuir a vantagem dos donos da casa aos 30 minutos. No entanto, o Peixe conseguiu descontar 11 minutos depois. Após receber passe de Victor Ferraz, Carlos Sánchez fez um cruzamento na medida para Jean Mota. O meia cabeceou bem e se tornou artilheiro isolado do Paulista, agora com quatro gols.

Morato volta a marcar
O ex-jogador do São Paulo fez o segundo gol aos 46 minutos do primeiro tempo. Martinelli fez boa jogada na ponta direita, sem ser atrapalhado por Victor Ferraz, e cruzou para a área, onde o camisa 7, livre de marcação, chutou com categoria.

Léo Santos fecha goleada
O que já era bom ficou ainda melhor para o Ituano aos 18 minutos do segundo tempo. Corrêa cobrou falta da esquerda, e Léo Santos cabeceou firme. Vanderlei chegou a tocar na bola, mas não conseguiu evitar o quinto gol. No último lance, Claudinho quase fez o sexto.

Bronca no argentino
O técnico Jorge Sampaoli tomou uma bronca do árbitro Raphael Claus logo aos cinco minutos de jogo. O treinador do Peixe parecia irritado com algumas decisões da arbitragem e não parava de se movimentar. Claus o advertiu e exigiu que ele não deixasse mais a área técnica. No entanto, o treinador seguiu irritado e inquieto por quase toda a partida.

ITUANO 5 X 1 SANTOS

Estádio: Novelli Júnior, Itu (SP)
Data/hora: 3/2/2019, às 19h (de Brasília)
Árbitro: Raphael Claus (SP)
Assistentes: Danilo Ricardo Manis (SP) e Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP)
Cartões amarelos: Martinelli, Paulinho Dias (ITU); Derlis González e Luiz Felipe (SAN)
Público e renda: 5.673 pagantes / R$ 227.695,00

Gols: Morato, 7'/1°T (1-0); Marcos Serrato, 8'/1°T (2-0); Jonas, 19'/1°T (3-0); Jean Mota, 41'/1°T (3-1); Morato, 46'/1°T (4-1); Léo Santos, 18'/2°T (5-1)

ITUANO: Pegorari; Jonas, Ricardo Silva, Léo Santos e Peri; Baralhas, Marcos Serrato, Corrêa (Paulinho Dias, 24'/2°T) e Morato (Gui Mendes, 32'/2°T); Alemão (Claudinho, 12/'2°T) e Martinelli. Técnico: Vinicius Bergantini.

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz (Luiz Felipe, 23'/2°T), Felipe Aguilar, Gustavo Henrique e Copete; Alison (Yuri Alberto, intervalo), Diego Pituca, Carlos Sánchez e Jean Mota; Derlis González e Soteldo (Arthur Gomes, intervalo). Técnico: Jorge Sampaoli.

Do LanceNet
Em 3.2.19, às 23h

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.