Header Ads

Homem é preso em flagrante por abusar de menina de sete anos

Homem tocava as partes íntimas da criança quando foi flagrado pela mãe dela, que acionou a polícia. Caso aconteceu no bairro do Bessa, em João Pessoa

Criança fez revelações sobre o caso (Foto: Ilustrativa)
Um homem de 64 anos foi preso em flagrante, na tarde dessa quarta-feira (30), em João Pessoa, por abusar sexualmente de uma menina de sete anos, no bairro do Bessa. O homem tocava as partes íntimas da criança quando foi flagrado pela mãe dela, que acionou a polícia.

Segundo a delegada Cristiane Medeiros, que investiga o caso, o suspeito mora em São Paulo e veio a João Pessoa acompanhado da esposa. Ele é parente da avó da vítima e visitava a casa frequentemente há duas semanas. A menina mora na casa da avó, junto com os pais.

“Ontem [quarta-feira], a mãe precisou se ausentar de casa e deixou a criança sob os cuidados da avó. Mas, ao retornar, percebeu que a menina e o suspeito não estavam no mesmo cômodo das demais pessoas na casa. Ela desconfiou, foi até o quarto onde a filha costuma assistir televisão e, lá, flagrou o ato libidinoso. Encontrou a filha assistindo a um vídeo pelo celular enquanto o homem tocava as partes íntimas dela”, disse a delegada.

A mulher acionou a polícia e o suspeito foi preso em flagrante. Mãe e criança já prestaram depoimento à Polícia Civil. A menina confirmou o relato da mãe e, para a delegada Cristiane Medeiros, não há dúvidas de que o abuso aconteceu.

“A criança revelou que o abuso havia acontecido em outras duas oportunidades. Ela disse que o suspeito “mexeu” com ela e, quando perguntei como ele havia feito isso ela contou que primeiro ele tocou os pés, depois as pernas e em seguida o ‘segredinho’ dela. Não restam dúvidas do abuso. Ele responderá por estupro de vulnerável, crime inafiançável e considerado hediondo”, completou Cristiane Medeiros.

O suspeito não tem histórico criminal e passará por audiência de custódia nesta quinta-feira (31).

Do Portal Correio
Publicada por F@F em 31.10.19, às 12h31

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.