Header Ads

Quando o homem dá à luz: pessoas trans mostram como vivem a maternidade

Danna e Esteban são transgêneros e se tornaram famosos na internet porque ele engravidou. Caso já ocorreu no Brasil com Taris e Frank

Danna e Esteban afirmam que o Brasil é bem visto na questão de direitos LGBTs pela comunidade trans na América Latina (Foto: Reprodução/Metrópoles)
Amodelo colombiana Danna Sultana, transexual, e seu noivo porto-riquenho Esteban Landrau, também transexual, decidiram usar as redes sociais para compartilhar os preparativos para a chegada de Ariel, primeiro filho do casal. Apesar de perfis sobre maternidade serem comuns, inclusive entre casais LGBTs, a empreitada repercutiu internacionalmente pelo fato de o bebê estar sendo gestado por Esteban.

Os dois se conheceram em Miami, em 2019, apaixonaram-se e descobriram vários desejos em comum, como o de formar uma família. Foi quando decidiram interromper o tratamento hormonal de Esteban e tentar engravidar.

Em entrevista ao Metrópoles, Danna contou que ambos estão morando em Porto Rico, país que acreditam ser mais preocupado com questões de gênero e com os direitos da comunidade LGBTQIA+. “Pouco se fala sobre transgêneros no meu país. A raiz do problema é que não temos educação para todos na Colômbia”, observou Danna.

Eu sou uma mulher trans, meu noivo é um homem trans. Nos conhecemos e soubemos que deveríamos ficar juntos. Agora, queremos ampliar a família. Sabemos que é um caminho difícil, mas estamos juntos e nos amamos. Vamos criar Ariel como um homem cisgênero e ele será como todos os porto-riquenhos e norte-americanos.

DANNA SULTANA

Apesar de o país ter vivido uma onda recente de violência a pessoas trans, Danna acredita que a família será feliz. “Há intolerância em todo lugar, é inevitável lidar com ela. Mas, como mãe, espero oferecer um lar seguro para nosso filho”, diz.


Matéria completa, clique AQUI

Do Metrópoles
Publicada por F@F em 21.06.2020

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.