Header Ads

TSE amplia multa contra Ricardo Coutinho e adia decisão sobre inelegibilidade

Caso seja confirmado o parecer que reconhece a irregularidade, o ex-governador ficará inelegível nas eleições de 2020 e 2022

Ex-governador Ricardo Coutinho (Foto: Reprodução)
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu pela ampliação do valor da multa aplicada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) contra o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB).

Com a decisão, a multa passou de R$ 30 mil para R$ 70 mil, pela comprovação de abusos praticados por Ricardo durante o período eleitoral de 2014.

Já o julgamento da Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) que pede inelegibilidade de Coutinho foi mais uma vez adiado após pedido de vista do ministro Luís Felipe Salomão.

A Aije

A Aije de nº 0001514-74.2014.6.15.000, interposta pela Coligação “A Vontade do Povo”, do PSDB, pede a inelegibilidade de Ricardo Coutinho por abuso de poder político e econômico no período eleitoral de 2014.

Caso seja confirmado o parecer que reconhece a irregularidade, o ex-governador ficará inelegível nas eleições de 2020 e 2022.

Do Paraíba Rádio Blog
Publicada por F@F em 26.08.2020

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.