Header Ads

Homem apedreja ex-companheira e irmã dela por não aceitar fim do relacionamento

Renata Rayane dos Santos, de 23 anos​ e Rayssa dos Santos ​de 19 anos, seguiam em uma moto em uma estrada na zona rural​ do município, quando foram atacadas pelo homem

Renata Rayane dos Santos precisou ser transferida para o Hospital de Trauma de Campina Grande (Foto: Divulgação)
João Pessoa (PB) - Duas irmãs ficaram feridas ao serem apedrejadas no último sábado (24), na Zona Rural da cidade de Gurjão na Paraíba. Renata Rayane dos Santos, de 23 anos e Rayssa dos Santos de 19 anos, seguiam em uma moto em uma estrada na zona rural do município, quando foram atacadas pelo homem.

Segundo Rayssa, o acusado de praticar as agressões é o ex-companheiro da irmã, que não aceitava o fim do relacionamento. 

O suspeito desferiu vários golpes de pedra na cabeça e no rosto da vítima e só parou quando ela desmaiou. Ainda segundo Rayssa, ela também foi agredida pelo homem ao tentar defender a irmã e ficou bastante ferida.

Ao achar que a ex-companheira teria morrido, o homem fugiu do local na moto que estava com as irmãs.

As vítimas foram socorridas para o hospital do município de Gurjão. Rayssa foi atendida e recebeu alta médica. Já Renata precisou ser transferida para o Hospital de Trauma de Campina Grande. Ela precisou ser sedada e entubada devido a gravidade dos ferimentos. O estado de saúde é considerado grave.

O suspeito do crime segue foragido.

Do ClickPB
Publicada por F@F em 27.07.2021

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.