Header Ads

Esposa acusa ex-jogador da seleção brasileira de agressão

Maxwell teve passagem pela seleção brasileira entre 2013 e 2014

Atleta teria agredido a mulher (Foto: MaisPB)
A mulher do ex-jogador de futebol Maxwell, que teve passagem na seleção brasileira, acusa o marido de agressão. De acordo com Boletim de Ocorrência (BO) registrado no dia 27 de março em Belo Horizonte-MG, Giulia Reverendo Andrade vem sofrendo ameaças ao longo de todo o relacionamento. O casal é casado há 13 anos e tem quatro filhos.

O BO aponta que em 2012 Giulia fraturou dois dedos do pé após ter sido agredida por Maxwell. Três anos depois, Giulia foi espancada novamente, após ser ameaçada de morte. Já em 2018, Maxwell ameaçou novamente a esposa.

Três meses depois das últimas ameaças, Giulia voltou a Belo Horizonte com os filhos do casal. Desde então, o ex-jogador vem telefonando e mandando mensagens provocativas e humilhantes para a mulher, segundo ela disse à Polícia.

O advogado de Giulia disse que uma medida protetiva foi determinada pela Justiça, proibindo Maxwell de se aproximar da mulher, de enviar mensagens ou até mesmo ligar para ela. O advogado afirmou ainda que a Polícia Civil abriu inquérito para investigar os crimes de lesão corporal, injúria e ameaça.

Maxwell teve passagem pela seleção brasileira entre 2013 e 2014. O ex-jogador também teve passagens por Cruzeiro, Ajax-HOL, Internazionale-ITA, Barcelona-ESP e Paris Saint-Germain-FRA.

Do MaisPB
Publicada por F@F em 19.06.19, às 20h39

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.