Header Ads

PC prende suspeitos de estuprarem crianças da família em Balém e Sertãozinho

Os dois presos foram submetidos a exames de corpo de delito e encaminhados para unidades prisionais, onde permanecerão à disposição da justiça

Prisões ocorreram em Belém e Sertãozinho (Foto: Da Net)
A Polícia Civil prendeu, nesta segunda-feira (10), dois homens acusados de estuprar crianças das próprias famílias. As prisões ocorreram nas cidades de Belém e Sertãozinho, situadas no interior da Paraíba, e foram determinadas pela Justiça.

Na cidade de Belém, a polícia prendeu José Ferreira da Silva, suspeito de estuprar a própria filha, uma criança de 12 anos. Além da menina, o homem também teria abusado da outra filha adotiva, que possui deficiência mental.  Os crimes, cometidos no ano de 2015 , foram comprovados por exame sexológico. Contra o acusado havia mandado de prisão em aberto, cumprido nesta segunda-feira (10).

O segundo caso, registrado na cidade de Sertãozinho, resultou na prisão de José de Carvalho Cândido, de 26 anos. Ele é acusado de estuprar uma menina de 13 anos. Conforme informações da polícia, a adolescente é enteada do pai do acusado, identificado como Severino Teófilo Cândido, mais conhecido como “Preá”.

Ainda de acordo com as investigações, a menina já havia sido violentada sexualmente pelo suspeito, que já tinha sido preso por cometer o crime de estupro. A mãe da vítima também foi processada por tentar prejudicar as investigações.

De acordo com o delegado Hugo Lucena, no curso da investigação, a Justiça decretou a prisão do acusado. A própria mãe da jovem, identificada como Simone Rufino, foi indiciada por tentar coagir a vítima a mudar sua versão dos fatos para inocentar o padrasto.

Os dois presos foram submetidos a exames de corpo de delito e encaminhados para unidades prisionais, onde permanecerão à disposição da justiça.

Do MaisPB
Publicada por F@F em 11.06.19, às 01h40

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.