Header Ads

Suspeito de ataque ao Porta dos Fundos, Eduardo Fauzi, está na Rússia

A Polícia Civil do Rio de Janeiro obteve informação de que Eduardo Fauzi viajou para Moscou em 29 de dezembro, um dia antes de seu mandado de prisão ser expedido

Acusado é procurado pela PCRJ (Foto: Reprodução)
A Polícia Civil do Rio obteve informação de que Eduardo Fauzi, principal suspeito pelo ataque terrorista à produtora do Porta dos Fundos, viajou para Moscou, na Rússia, em 29 de dezembro, um dia antes de seu mandado de prisão ser expedido.

A informação foi veiculada pela TV Globo. Ele viajou na tarde do dia 29 de dezembro para Paris, um dia antes da expedição do mandado de prisão, de acordo com a emissora. Imagens mostraram que ele chegou de táxi ao Aeroporto Internacional Tom Jobim, na Zona Norte do Rio.

A polícia do Rio já pediu a inclusão do nome de Fauzi na lista de procurados pela Interpol. Ainda de acordo com a TV Globo, Fauzi tem uma namorada que mora em Moscou.

Há pouco, nesta quinta-feira (2), a polícia do Rio havia informado que pediria informações da unidade de Santa Catarina para localizar o suspeito, que está foragido deste terça-feira. Ele teria dito a amigos que estaria em Florianópolis.

Nesta quarta-feira (1), um vídeo gravado por Fauzi, sem identificação de data, foi compartilhado na internet e mostra seu discurso contra os humoristas do Porta dos Fundos: “criminosos, marginais, bandidos”. Para ele, “quem fala mal de Cristo prega contra o povo brasileiro”.

Do Wscom
Publicada por F@F em 02.01.20, às 21h4

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.