Header Ads

Deputada denuncia golpe de bandidos que se passam por assessores para clonar números de Whatsapp

Camila Toscano não é a única agente política paraibana a ser vítima de golpes na internet. Nos últimos meses, prefeitos, vereadores e outros deputados estaduais e federais já foram vítimas de golpes na internet

Deputada Camila Toscano (Foto: Wscom)
A deputada estadual Camila Toscano (PSDB) denunciou que bandidos estão utilizando um número de telefone, com DDD de São Paulo, se passando por assessores dela para clonar números de Whatsapp.

A parlamentar já denunciou o caso as autoridades competentes e aproveitou para fazer um alerta. “Quem receber esses links, não acessem e denunciem o contato ao próprio Whatsapp”, ressaltou.

Conforme relatos de pessoas que foram contatadas pelos golpistas, eles enviaram um link para as pessoas realizando convites para um evento, com um código para ser inserido no aplicativo. Porém, ao utilizar o número enviado, o aparelho celular é bloqueado e, automaticamente, clonado.

Ela ressaltou que não há nenhum evento promovido por ela e nenhum assessor está mandando convites atualmente para nenhum tipo de atividade, seja por ligação telefônica e/ou mensagens via aplicativo de conversa, como o WhatsApp. “Sob hipótese alguma nós estamos realizando nenhum tipo de evento ou atividade. Estamos em período de quarentena e respeitamos essa determinação. O tempo tem sido para cumprir o distanciamento social e trabalhando de forma remota para o bem da nossa população, buscando ações que possam contribuir para o combate à Covid-19. Além disso, não usamos números de outros estados para nos comunicar”, enfatizou.

Camila Toscano não é a única agente política paraibana a ser vítima de golpes na internet. Nos últimos meses, prefeitos, vereadores e outros deputados estaduais e federais já foram vítimas de golpes na internet, por meio do Whatsapp. Ano passado, a sua mãe, a ex-deputada e primeira-dama de Guarabira, Léa Toscano, também foi vítima de um golpe. Tal qual, ela Camila está tomando as medidas cabíveis.

“Soube da situação por meio de profissionais que atuam em meu gabinete e que receberam as ligações. Mesmo com a situação de quarentena que estamos vivendo devido ao combate à Covid-19, estou tomando as medidas necessárias, registrando o Boletim de Ocorrência. Uma atitude como esta não pode passar despercebido”, frisou.

Do Wscom
Publicada por F@F em 08.04.2020 às 11h44

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.