Header Ads

Deputados aprovam mais 41 decretos de calamidades pública de prefeituras da Paraíba

No dia 8 de abril, deputados tinham aprovado outros 164 decretos de calamidade.​ Ao todo 205 decretos já foram homologados

Sessão foi virtual (Foto: ALPB)
O decreto legislativo que homologou os 41 decretos de calamidade pública encaminhada pelos prefeitos paraibanos foi aprovado por maioria dos deputados, tendo votos contrários apenas dos deputados Cabo Gilberto (PSL) e Wallber Virgulino (Patriotas) e homologados pela Assembleia Legislativa da Paraíba durante sessão extraordinária realizada por videoconferência nesta quarta-feira (15).

No dia 8 de abril, deputados tinham aprovado outros 164 decretos de calamidade. Ao todo 205 decretos já foram homologados.

O presidente da ALPB, Adriano Galdino (PSB), reforçou que o decreto só garante aos gestores a flexibilização em ações contra o coronavírus. “O decreto só dá proteção ao gestor para ações que vão combater o coronavírus. Qualquer outra ação, como a compra de livros, está passível de improbidade administrativa porque cometeu um crime”, ressaltou.

Com o decreto, decorrente de desastres (naturais ou provocados) e que causam danos graves à comunidade, inclusive ameaçando a vida da população, o estado ou município afetado também pode ficar dispensado de realizar licitação em obras e serviços enquanto durar a calamidade e a população atingida pode sacar parte do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS).

Confira a lista de cidades:

Alagoa Nova
Alcantil
Algodão de Jandaíra
Alhandra
Amparo
Aparecida
Areia de Baraúnas
Bananeiras
Boqueirão
Borborema
Cachoeira dos Índios
Campina Grande
Damião
Ibiara
Itaporanga
Itapororoca
Juarez Távora
Junco do Seridó
Lastro
Logradouro
Lucena
Manaíra
Mari
Mataraca
Mato Grosso
Mogeiro
Natuba
Patos
Pedro Régis
Prata
Riachão
Santa Helena
São João do Cariri
São João do Rio do Peixe
São Vicente do Seridó
Serra da Raiz
Serra Grande
Tacima
Teixeira
Tenório
Triunfo

Do ClickPB
Publicada por F@F em 15.04.2020 às 14h07

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.