Header Ads

Em Serra da Raiz, Prefeitura manda proprietário demolir o próprio fiteiro; Caso revolta população

Proprietário, conhecido por "Neguinho de Salete", é homem de bem, trabalhador e pessoa humilde

Neguinho e "seu" fiteiro (Foto: Assessoria)
Na véspera do Dia do Trabalhador (1º de maio), ocorreu uma situação inusitada e revoltante na cidade de Serra da Raiz. O fato, que vem causando bastante indignação na maioria da população serrana e do brejo, diz respeito a uma Notificação de Demolição expedida pela Prefeitura Municipal contra Antonio Bernardino da Silva, mais conhecido por "Neguinho de Salete", obrigando-o a demolir seu pequeno fiteiro, situado na Rua Bento José da Costa. 

Neguinho de Salete e sua esposa Zilene são bastantes conhecidos na cidade. Segundo a população local, trata-se de um casal humilde e trabalhador, mas por seguir, declaradamente, o grupo de oposição no município, talvez marido e mulher estejam sendo retaliados pela administração municipal. 

Neguinho e Salete relataram, inclusive em entrevistas a emissoras de rádios da região, que foi uma grande surpresa receber o referido documento (Ordem de Demolição), estipulando o prazo de 5 dias para demolir o pequeno fiteiro, sob pena de pagamento de multa diária de R$ 100,00 (cem reais).

A administração municipal, por exemplo, é acusada de fazer "vista grossa" em relação a edificações que invadiram o espaço público.

No caso específico do fiteiro da Rua Bento José da Costa, populares arriscam em dizer que há uma tendência de perseguição politica, só por que o proprietário (Antonio Bernardino da Silva) e sua esposa não seguem, politicamente, os que fazem o grupo governista em Serra da Raíz. 

O casal, sentindo-se injustiçado, acionou o Ministério Público. O caso teve repercussão em programas de rádios da região.

Outra parte - No documento (cópia abaixo) de Notificação de Demolição, a Prefeitura de Serra da Raíz limita-se a dizer que o barraco está construído em lugar proibido.

Contraditório - Ainda em relação ao caso, Fato a Fato se propõe em publicar a versão oficial, caso a Prefeitura Municipal ache necessário. 

Veja documento


Da Assessoria
Publicada por F@F em 06.05.2020 às 00h12

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.