Header Ads

Carretas são apreendidas transportando madeira ilegal no Agreste

A madeira ilegal foi extraída no estado do Pará e teria como destinos as cidades de Esperança e João Pessoa

Carga foi apreendida em Esperança (Foto: Reprodução)
A Polícia Rodoviária Federal na Paraíba apreendeu na madrugada desta sexta-feira (4), duas carretas carregadas de madeira extraída de forma ilegal no estado do Pará.

A primeira abordagem ocorreu na BR 230, no município de Esperança. Ao analisar os documentos florestais apresentados pelo condutor e a carga transportada, os policiais verificaram que havia irregularidades no volume declarado e na espécie de madeira transportada. A madeira foi extraída de forma ilegal no município de Moju, no estado do Pará. O condutor, um homem de 59 anos, informou que a madeira teria como destino a capital paraibana. Ele afirmou que receberia o pagamento pelo transporte da madeira de acordo com a quantidade transportada.

A segunda abordagem ocorreu também na BR 230, na cidade de Pocinhos. Os policiais solicitaram os documentos florestais da carga de madeira extraída no município de Paragominas, no Pará. Foram constatadas diversas irregularidades. O cadastro do local onde foi extraída a madeira ainda estava pendente de análise pelos órgãos florestais. Portanto, não estava autorizada a extração de madeira transportada de forma ilegal. O condutor, um homem de 45 anos, afirmou que a carga teria como destino a cidade de Esperança. Ele receberia cerca de R$ 20 mil pelo transporte da madeira.

Foram lavrados Termos Circunstanciados de Ocorrência. Tanto os condutores quanto as madeireiras responsáveis pelo transporte da carga ilegal e emissão dos documentos ambientais irregulares deverão responder criminalmente por transportar madeira ilegal, de acordo com a Lei 9.605/98, que trata sobre os crimes contra o meio ambiente.

Do Wscom
Publicada por F@F em 04.09.2020

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.