Header Ads

Pais e filhos de 10 e 12 anos mataram vizinha a facadas, diz polícia

Adultos foram presos, e a filha mais velha pode responder por ato infracional análogo ao homicídio

Vítima foi morta a facadas (Foto: Imagem Ilustrativa)
A Polícia Civil de Camaçari, na Bahia, prendeu na última quinta (10/9) um casal acusado de ter causado a morte de uma vizinha, que estava internada na cidade desde 24 de agosto, quando sofreu diversas facadas. De acordo com as autoridades, uma briga fútil entre vizinhos levou ao terrível desfecho, que teve a participação de duas crianças.

A vítima é Sônia dos Santos, que estava internada no Hospital Geral de Camaçari, na região metropolitana de Salvador. Ela morreu na quarta-feira (9/9).

“Sônia recriminou o autor pela forma com que ele tratava a própria mãe, causando um atrito entre eles. O homem, sua mulher e os dois filhos do casal, de 10 e 12 anos, atacaram a vítima a golpes de facão e faca”, detalhou a delegada Thais Siqueira, responsável pela investigação, à imprensa local.

A prisão preventiva do casal foi decretada pela polícia. Suas identidades não foram divulgadas para não expor as crianças, em respeito ao Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

A adolescente de 12 anos teve um Boletim de Ocorrência Circunstanciado (BOC) lavrado e encaminhado ao Ministério Público. Ela pode responder por ato infracional análogo ao crime de homicídio e passar até 3 anos internada. A outra criança é inimputável pela idade.

Do Metrópoles
Publicada por F@F em 11.09.2020

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.