Header Ads

Tite corta Rodrigo Caio e Eder Militão, e convoca Felipe e Diego Carlos para a Seleção

Zagueiro do Sevilla de 27 anos é chamado pela primeira vez. Jogador do Real Madrid testou positivo para Covid-19. Já são quatro cortes na lista original para as Eliminatórias

Tite, treinador da Seleção Brasileira (Foto: CBF)
Com lesão na panturrilha direita, o zagueiro Rodrigo Caio, do Flamengo, teve corte confirmado pela CBF nesta terça-feira (3). Além dele, Eder Militão, do Real Madrid, que testou positivo para Covid-19, também foi desconvocado. Para o lugar da dupla, Tite chamou Felipe, do Atlético de Madrid, e Diego Carlos, do Sevilla. Este último convocado pela primeira vez para a Seleção.

Para os jogos contra a Venezuela (13 de novembro, no Morumbi, em São Paulo) e Uruguai (17, em Montevidéu), já são quatro cortes na lista original de Tite. Antes, foram cortados Phillipe Coutinho, do Barcelona, substituído por Lucas Paquetá, do Lyon, e Fabinho, do Liverpool, que cedeu lugar a Allan, meio-campista do Everton (Inglaterra).

Militão atuou no fim de semana pelo Real Madrid contra o Huesca, pelo campeonato espanhol. O time merengue venceu por 4 a 1. Nessa segunda, o clube comunicou que o jogador testou positivo para Covid-19. A CBF comunicou que ele – nem Rodrigo Caio, por lesão – não teria tempo suficiente para se recuperar e se apresentar no próximo dia 9 de novembro, em Teresópolis, na Granja Comary.

Felipe, de 31 anos, tem seis convocações e jogou uma vez pela Seleção. Diego Carlos, de 27, foi chamado pela primeira vez. Ele foi observado recentemente pela comissão técnica de Tite.

A seleção brasileira masculina de futebol lidera as Eliminatórias sul-americanas com duas vitórias em dois jogos – 5 a 0 sobre a Bolívia e 4 a 2 diante do Peru.

Confira a lista de convocados por Tite:

Goleiros: Alisson (Liverpool), Ederson (Manchester City) e Weverton (Palmeiras);

Laterais: Danilo (Juventus), Gabriel Menino (Palmeiras), Alex Telles (Manchester United) e Renan Lodi (Atlético de Madrid);

Zagueiros: Marquinhos (PSG), Thiago Silva (Chelsea), Diego Carlos (Sevilla) e Felipe (Atlético de Madrid);

Meio-campistas: Casemiro (Real Madrid), Douglas Luiz (Aston Villa), Arthur (Juventus), Everton Ribeiro (Flamengo), Fabinho (Liverpool) e Lucas Paquetá (Lyon);

Atacantes: Everton Cebolinha (Benfica), Roberto Firmino (Liverpool), Gabriel Jesus (Manchester City), Neymar (PSG), Richarlison (Everton) e Vini Junior (Real Madrid).

Jogadores cortados: Phillipe Coutinho, Fabinho, Rodrigo Caio e Eder Militão.

Do GE
Publicada por F@F em 4.11.2020

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.